Reunião entre servidores e Casa Civil para tratar de reajuste é cancelada devido ao coronavírus

Assembleia Legislativa do Rio também não descarta suspender todas as votações previstas para as próximas semanas na hipótese de aumento do número de casos de infectados pelo Covid-19

Por PALOMA SAVEDRA

Integrantes do Fórum Permanente de Servidores do Estado se reuniram em fevereiro com parlamentares da Alerj, que intermediaram encontro com André Moura
Integrantes do Fórum Permanente de Servidores do Estado se reuniram em fevereiro com parlamentares da Alerj, que intermediaram encontro com André Moura -
Mais um efeito coronavírus: a reunião que estava marcada para o próximo dia 18 entre servidores do Estado do Rio e a Secretaria da Casa Civil acaba de ser cancelada. O encontro entre integrantes do Fórum Permanente de Servidores do Estado (Fosperj) e o titular da pasta, André Moura, ocorreria na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). E a presidência da Alerj decidiu restringir o acesso do público à Casa como medida de prevenção à disseminação do Covid-19.
O presidente da Alerj, André Ceciliano (PT), confirmou à coluna, nesta sexta-feira, o cancelamento da reunião, seguindo as diretrizes que a própria Casa informou ontem. Ceciliano também assegurou que ocorrerá na próxima quarta-feira a votação do projeto de lei que autoriza o governo estadual a conceder recomposição inflacionária aos servidores de todos os Poderes.
"A votação está mantida", disse Ceciliano, admitindo, no entanto, que, na hipótese de aumento do número de casos de infectados pelo coronavírus, a Assembleia suspenda todas as votações.
"Estamos adotando todas as medidas para evitar o contágio", ressaltou o parlamentar. 
 
 
 

Comentários