Mais Lidas

PM mata colega de farda durante discussão na Vila da Penha

Briga aconteceu porque um deles estava com o carro na frente da garagem do outro

Por O Dia

Sargento Antônio tinha 44 anos
Sargento Antônio tinha 44 anos -

Rio - O sargento da Polícia Militar Antônio Anderson Ferreira Mattos, de 44 anos, foi assassinado em uma discussão com o também PM Thiago Moraes de Carvalho, de 35 anos, na noite desta quinta-feira, na Vila da Penha, na Zona Norte da cidade. Segundo testemunhas, Thiago, que é soldado lotado no 31º BPM (Recreio), atirou contra o colega de farda por ele ter parado com seu carro na porta de sua garagem.

Relatos contam que quando Thiago pediu para Anderson retirar o seu veículo da frente de sua garagem, na Rua Jaracatiá, perto do Largo do Bicão, onde ele conversava com amigos, começou uma discussão. Na briga, os dois acabaram trocando tiros, mas somente o sargento foi atingido.

A vítima chegou a ser socorrida ao Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, mas já chegou sem vida, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde.

Thiago prestou depoimento na 2ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM), nesta manhã, e depois foi levado para a Unidade Prisional da PM.

Anderson é o 34º policial assassinado no estado em 2018. Ele era lotado no 41º BPM (Irajá) e estava na corporação desde 2001. Ainda não há informações sobre o sepultamento. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia