Copa Graffiti abre votação popular para escolha do painel mais bonito

Muros de Maracanã, Engenho da Rainha, Irajá e Acari/Fazenda Botafogo receberam painéis de arte urbana. Equipe vencedora vai ganhar R$ 20 mil

Por O Dia

Painel em irajá
Painel em irajá -

Rio - O MetrôRio levou cor e cidadania ao entorno de quatro estações da Linha 2 e o público vai poder escolher o painel mais bonito através do site oficial da Copa Graffiti (www.copagraffiti.com). Além do voto popular, um júri técnico vai avaliar a organização de cada equipe, a criatividade e a fidelidade ao tema que este ano é cidadania. A votação online vai até o dia 27 de novembro. O grande vencedor vai ser anunciado no dia 1º de dezembro, em um evento de encerramento na ONG Rongo, em Engenheiro Rubens Paiva.

Esta é a terceira edição do festival, que tem 24 artistas divididos em quatro equipes disputando um prêmio de R$ 20 mil. A curadoria é do grafiteiro Airá Ocrespo.

A concepção das pinturas foi feita em conjunto com os moradores das comunidades próximas às estações, celebrando a história de cada bairro resgatando a autoestima dos moradores.

A iniciativa é patrocinada pela Prefeitura do Rio, Secretaria Municipal de Cultura, MetrôRio, via Lei de Incentivo do ISS, e conta com o apoio do Instituto Invepar.

Equipes e estações

Um sorteio realizado na abertura do evento, em setembro, definiu o local a ser pintado por cada equipe. Cada grupo teve 15 dias para concluir os grafites.

O Z.O. Team, liderado pelo grafiteiro e designer Criz Silva, trabalhou no entorno da estação Maracanã. O painel, bem colorido, conta a história do bairro, inspirado numa matrioska, a tradicional boneca russa.

No Engenho da Rainha, as cores e inspirações foram da equipe Pintanawá, liderada pelo artista de rua Mário Band’s. Ele ressalta a importância da cultura indígena.

Em Irajá, os painéis ficaram a cargo do Clube Regatas do Traço, que tem o grafiteiro Cazé como capitão. O muro, pintado em diferentes tons de azul, homenageia figuras tradicionais do bairro, como o vendedor de gelo João Carlos Miranda.

Já a estação Acari/Fazenda Botafogo recebeu as cores da equipe Fiel de Fechar, capitaneada por Carlos Acme, bicampeão da Copa Graffiti. No painel, homenagens a Martin Luther King Jr e à adolescente Maria Eduarda Alves Ferreira, que morreu ao ser baleada dentro da Escola Municipal Jornalista Daniel Piza, em Fazenda Botafogo, em março do ano passado.  

Galeria de Fotos

Painel em irajá Divulgação/MetrôRio
Painel em Acari Divulgação/MetrôRio
Painel no Maracanã Divulgação/MetrôRio
Painel em Engenho da Rainha Divulgação/MetrôRio

Últimas de Rio de Janeiro