Mais Lidas

Policial militar é morto a tiros na rua de casa em Belford Roxo

Militar foi alvo de tiros disparados por dois homens em uma moto quando estava com a esposa voltando de uma festa

Por O Dia

Rio - Um policial militar foi assassinado a tiros na frente da mulher, no início da madrugada desta quarta-feira, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. O cabo Francisco Fernandes Souza Diego Mota Domingues, de 38 anos, estava de folga, na rua de casa, na Emília Marcondes, no bairro Lote XV, e tinha acabado de sair de uma festa de aniversário quando foi alvejado por vários tiros. Ele chegou a ser socorrido no Posto de Saúde Mista do Lote XV, mas já chegou morto na unidade.

De acordo com a PM, o crime contra o agente, lotado no Batalhão de Policiamento em Vias Especiais (BPVE), aconteceu por volta da 1h30. Ele foi abordado por dois homens em uma moto e por um terceiro, que cobria o rosto com uma camisa, em uma bicicleta. Os tiros contra o policial foram dados após o que estava de bicicleta apontar "é esse ai mesmo, o branquinho".

Policiais militares do município (39º BPM) foram acionados e estiveram na unidade de saúde para aonde o cabo foi levado. Ainda não há a confirmação sobre a motivação do crime. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF).

O cabo Souza estava há nove anos na PM, era casado e tinha filhos. Com a morte dele, já são quatro policiais militares mortos no Rio,  em 2019, até agora. Já é pelo menos um agente assassinado por semana

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários