Comandante do Corpo de Bombeiros testa positivo para Coronavírus

Corporação orientou que todos que tiveram contato com o coronel façam o exame no hospital central

Por O Dia

Comandante Geral do Corpo de Bombeiros do estado do Rio de Janeiro, Roberto Robadey foi diagnosticado com Covid-19 e cumpre isolamento domiciliar
Comandante Geral do Corpo de Bombeiros do estado do Rio de Janeiro, Roberto Robadey foi diagnosticado com Covid-19 e cumpre isolamento domiciliar -
Rio - A Assessoria de Imprensa do Corpo de Bombeiros confirmou que o comandante-geral da corporação e secretário de Estado de Defesa Civil, o coronel Roberto Robadey Jr. testou positivo para covid-19. O exame foi realizado no Hospital Central Aristarcho Pessoa (HCAP), no Rio Comprido, após o militar apresentar um dos sintomas da doença de maneira leve. O resultado saiu no domingo.

Segundo a Corporação, o secretário passa bem e ficará em isolamento domiciliar por 14 dias, de acordo com o protocolo do Ministério da Saúde. As pessoas com quem ele teve contato durante a semana estão sendo orientadas a fazerem o teste no HCAP, unidade que centraliza a testagem da tropa.
Quarteis e unidades de saúde do Corpo de Bombeiros têm realizado a aferição da temperatura a distância. O procedimento é feito com os 200 termômetros infravermelhos adquiridos para a corporação por meio da Diretoria Geral de Saúde. 
O material também foi encaminhado para a Diretoria Geral de Controle e Operações, a Academia de Bombeiro Militar Dom Pedro II e o Centro de Suprimentos e Manutenção. A Corpo de Bombeiros destacou que o objetivo é identificar mais rápido militares ou civis com sintomas de contaminação pelo novo vírus e assim diminuir os impactos do contágio.
Segundo o diretor geral de Saúde, o coronel Roberto Miúra, os equipamentos têm sido usados desde o início deste mês, são de fácil manuseio e a aferição é bem rápida.

"Basta clicar no botão inicial e posicionar o mesmo adequadamente, aguardando a leitura. Um alarme sonoro será ouvido quando a temperatura for maior do que 37, 8º C. Nestes casos, quem apresentar, ainda, sintomas como tosse, dor de garganta, dores musculares e desconforto respiratório é orientado a procurar uma unidade de saúde", explicou Miúra.
Na prefeitura do Rio, já são seis secretários e ex-secretários infectados com o novo coronavírus. A chefe da pasta municipal de Saúde, Ana Beatriz Busch, chegou a ser internada após complicações provocadas pela doença.
Marco San, secretário municipal da Pessoa com Deficiência e Tecnologia, também testou positivo para o novo coronavírus (covid-19) e foi o último diagnosticado com a doença na prefeitura.
Veja relação de membros do alto escalão da prefeitura infectados
. Beatriz Busch (Saúde)
. Jorge Darze (Subsecretaria de Saúde)
. Talma Suane (ex-secretária de Educação)
. Adolfo Konder (Cultura)
. Tia Ju (Assistência Social e Direitos Humanos)
. Marco San (Pessoa com Deficiência e Tecnologia)
 

Comentários