Secretário garante pagamento em dia do salário de agosto ao funcionalismo estadual

Notícia traz alguma tranquilidade aos servidores, já que, com a crise provocada pela pandemia, governo temia não haver recursos suficientes para quitar salários a partir do segundo semestre

Por PALOMA SAVEDRA

Equipe do Palácio Guanabara avalia cenário econômico
Equipe do Palácio Guanabara avalia cenário econômico -
Com a crise provocada pela pandemia do coronavírus, o governo do Estado do Rio temia não ter recursos financeiros suficientes para o pagamento do funcionalismo a partir do segundo semestre. O governador Wilson Witzel chegou até mesmo a fazer esse alerta em março, apontando risco de esse cenário ocorrer ainda mais cedo. No entanto, nesta sexta-feira, o secretário de Fazenda, Guilherme Mercês, garantiu que os salários de agosto serão pagos em dia, ou seja, no 10º dia útil de setembro (dia 15).
"Pode garantir o salário de julho e também o de agosto, pago em setembro", declarou à coluna o titular da Fazenda, lembrando que, até pouco tempo, a equipe fazendária não tinha a previsão de receita tributária necessária para assegurar o pagamento da folha de agosto.
Como a coluna antecipou na última terça-feira, o depósito dos vencimentos de julho no prazo (14 de agosto) será possível devido a uma melhora na arrecadação e a operações financeiras realizadas pelo governo estadual.
"A gente está avançando mês a mês. Fizemos operações (financeiras) importantes, como waiver (suspensão de cláusulas contratuais com credores estrangeiros), tivemos também a reabertura da economia... Então o pagamento em dia do salário de julho está absolutamente garantido", declarou o secretário de Fazenda, na ocasião.
 
                             

Galeria de Fotos

Equipe do Palácio Guanabara avalia cenário econômico Daniel Castelo branco
Secretário de Fazenda, Guilherme Mercês: operações financeiras e reabertura da economia ajudaram Divulgação

Comentários