Policia prende chefe do tráfico de comunidades da Baixada Fluminense

Criminoso vivia em sítio avaliado em mais de R$ 1 milhão. Ele é apontado como chefe do tráfico nas comunidades Palmeirinha e São Leopoldo, em Belford Roxo, e do Parque das Palmeiras, em Nova Iguaçu

Por O Dia

Rio - Policiais civis prenderam, na tarde desta terça-feira, o traficante Anderson do Nascimento Pinheiro, de 45 anos, conhecido como Bill. O criminoso, que vivia em um sítio em Miguel Pereira, no interior do estado, é apontado como chefe do tráfico de drogas nas comunidades Palmeirinha e São Leopoldo, em Belford Roxo, e do Parque das Palmeiras, em Nova Iguaçu. Bill também é ex-parceiro do traficante Matemático, morto em 2012 durante uma operação em Senador Camará.

Segundo a Polícia Civil, Anderson estava foragido do sistema prisional pela segunda vez, desde 2016, e vivia em um sítio avaliado em R$ 1,4 milhão. Ainda de acordo com a instituição, Pinheiro é responsável pela distribuição de drogas de uma facção criminosa. As penas do traficante somam mais de 54 anos de prisão.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia