Jogo da Discórdia animou a noite de segunda-feira no 'BBB 21'
Jogo da Discórdia animou a noite de segunda-feira no 'BBB 21'Reprodução / TV Globo
Por O Dia
O "Jogo da Discórdia" desta segunda-feira rendeu algumas DRs pela casa do "BBB 21". A briga entre Arthur e Fiuk dividiu a casa, e alguns brothers acabaram ficando do lado do cantor. Além disso, o discurso do João sobre uma fala de Rodolffo deu o que falar nas redes sociais - teve até polícia envolvida. Confira, abaixo, os destaques das últimas 24 horas de reality.
Publicidade
O Jogo da Discórdia desta segunda-feira vai entrar para a história do "BBB 21". João Luiz, que já havia se mostrado muito triste e incomodado com o comentário racista feito por Rodolffo sobre seu cabelo, confrontou o cantor ao vivo. Inicialmente, o professor de geografia só havia comentado sua dor com a melhor amiga, Camilla de Lucas. Ele chegou a dizer, na ocasião, que ficou sem reação ao ouvir o comentário.
No jogo, Tiago Leifert pediu para os participantes apontarem o melhor jogador, o pior jogador e a pessoa que joga sujo. "No sábado aconteceu uma situação lá no quarto cordel. O Rodolffo chegou a fazer uma piada, comparando a peruca do monstro da pré-história com o meu cabelo. Tocou num ponto muito específico, porque o jogo pode ser, sim, de coisas que a gente vive aqui dentro, mas também tem que ser um jogo de respeito", disse João.
Publicidade
Depois de confrontar Rodolffo por conta do comentário racista que o cantor fez sobre seu cabelo, João Luiz ainda teve que apartar uma possível briga entre Arthur e Fiuk. Na dinâmica, os brothers tinham que apontar o melhor jogador, o pior e a pessoa que joga sujo. Arthur já havia apontado Fiuk como o pior jogador, mas se irritou quando o cantor retribuiu a indicação.
"É uma pessoa que mente, que finge, que foi incoerente em vários momentos e mudou de acordo com as pessoas que foram saindo daqui. Foi um cara que me machucou de graça desde o começo, não quis conversar comigo, virou a cara pra mim, se dependesse dele, ele não falaria mais comigo desde o começo do jogo. Desde o começo eu insisto, 'vamos conversar', não olhava na minha cara. Tive que apertar a mão dele e falar: 'Fala comigo, Arthur'. Foi lá e me botou no paredão e insistiu nisso. Inventou mentiras sobre o Gil, que é uma pessoa que eu gosto muito aqui dentro, quase criou um conflito gigante com ele por causa disso. Pra mim isso aqui é sobre vida, é sobre você buscar melhorar e assumir seus erros e reconhecer. Ele esperou a Carla sair, até a Carla veio me perguntar o que eu achava do relacionamento deles que não me cabe, não vou falar aqui. Mas passava por fingir algumas coisas também. Eu não admiro, eu não concordo", disse Fiuk.
Publicidade
Depois da briga, Pocah chamou atenção de Arthur. A funkeira disse para o amigo parar de ser explosivo e que, em algumas situações, é difícil ser amiga dele. "Eu não quero ter amigo aqui... Não quero te prejudicar", disse o rapaz. 
"Não posso deixar de ser firme quando vejo algo errado. Não achei legal, não vou passar pano", continuou a funkeira. "Eu sei que não foi legal e eu agradeço. Quem sou eu pra julgar as pessoas aqui...é uma palavra que a gente pega e solta. Sei que eu estou errado", respondeu o crossfiteiro, que começou a chorar e contar as dificuldades pelas quais passou na vida.
Publicidade
Após Rodolffo ter citado o pai, durante o Jogo da Discórdia do 'BBB' nesta segunda-feira, foi a vez do próprio Juarez se manifestar. Após João e Camilla se mostrarem incomodados com a comparação de Rodolffo, o sertanejo insistiu no comentário preconceituoso e só pediu desculpas quando orientado por Pocah.
Nas redes sociais, Juarez Dias, pai do cantor, justificou o ato do filho, que segundo ele tem um jeito chucro e sem maldade. "É muito triste ver a tentativa de alguns perfis execrarem meu filho, fazer dele um monstro perante o público, mas não vão conseguir. Rodolffo tem um jeito chucro, interiorano, sem maldade, que fala o que vem à mente... Meu filho cresceu livre, começou a trabalhar muito cedo, numa realidade muito diferente dessa que vivemos", escreveu.
Publicidade
Após a declaração de Juarez, alguns famosos saíram em defesa do pai do sertanejo. Celebridades como Maiara, da dupla Maiara e Maraisa; e Fernando, da dupla Fernando e Sorocaba, defenderam o pai de Rodolffo. 
"Jurarez, meu guerreiro, amo você", escreveu Maiara. "Ninguém vai apagar o brilho do seu filho, meu amigo! Nós não vamos deixar #FicaRodolffo", escreveu Fernando. "Ô mundo chato, 'se' tá doido. Vai ficar, certeza, e mais forte!", disse Maurício Souza, atleta da seleção brasileira de vôlei.
Publicidade
E, após toda repercussão, Rodolffo pediu desculpas para João Luiz durante uma conversa com o professor no Quarto Cordel. "Elogiei você para a casa inteira, cara. Sua personalidade, seu talento, sua índole, seu jeito de ser. Eu não quero que fique nada mal resolvido entre a gente. Desculpa”, disse o sertanejo.
Publicidade
João respondeu: “Eu não sei se eu posso te dar a resposta: ‘Está tudo bem, te desculpo’ porque eu não estou bem e não está nada bem. Mas acho que o tempo talvez resolva. Espero eu”.