Secretaria de educação e cultura comemora os 203 anos da cidade com muito conto para as crianças do município.Divulgação

Por Chiara Martelotta
ITAGUAÍ- A semana segue sua agenda em comemoração aos 203 anos de Itaguaí, um dos eventos que marcou a quarta- feira (7), foi a inauguração da estrutura de tecido acrobático, o evento foi na Praça Vicente Cicarino, no Centro.

A abertura do evento contou com muita recreação onde crianças puderam brincar, aprender e cantar com professores e pais. Mais uma iniciativa da Secretária de Educação e Cultura para fomentar a cidade. Seguindo, às 10h da manhã, com a inauguração da estrutura de tecido acrobático que foi contemplada por uma placa da prefeitura por meio da secretaria de educação e cultura.
Estrutura de tecido acrobático é inaugurada em Itaguaí - Divulgação
Estrutura de tecido acrobático é inaugurada em ItaguaíDivulgação


A estrutura foi idealizada pelo coletivo Despertando em 2017 e confeccionada por WM Dias Locação e Montagem. O coletivo surge da junção de 4 mulheres, Mariana Castro, Raquel Lima, Pâmela Santos, Lidianne Aires. 
Publicidade

Mariana Castro é psicologa, artista popular e idealizadora do coletivo Despertando, projeto que tem como proposta a vida, e a cura através da arte. A estrutura metálica surge de uma conversa sobre o projeto entre Raquel Lima e um motorista de aplicativo, em sua viajem a socióloga comenta sobre o projeto e o motorista se disponibiliza a contruí-la. Após mais de 5 anos de luta, o coletivo consegue dar a visibilidade que a arte merece. Nesta quarta- feita foi oficializado a estrutura como um patrimônio cultural do município de Itaguaí.

“ Nós não temos conhecimento de uma estrutura acrobática em uma praça no Brasil. A estrutura é a nossa base, quando ela começa a ser valorizada, começa a ter mais respeito, toda a cidade passa a ter esse respeito. Eu estou muito feliz, muito grata. Vale a pena! A caminhada não é fácil, mas quando nós nos unimos vemos muita coisa acontecer.”

A manhã terminou com mais atividades da secretaria de educação e cultura que contou com a participação do projeto Garoto Cidadão, que trouxe música e história. As crianças receberam telas, tintas e pincéis para reproduzir em casa as atividades ensinadas na recreação.

O evento contou com um número reduzido de pessoas devido à pandemia da Covid- 19. Para evitar a aglomeração o local foi cercado evitando que os participantes ficassem próximos.