Preocupado com desgaste, Botafogo chega ao Rio depois de dar volta pela América

Clube alvinegro administra horas livres para evitar problemas físicos

Por O Dia

Rio - O Botafogo chegou ao Rio de Janeiro nas primeiras horas da manhã deste sábado e a paisagem vista do avião anunciou: é tempo de pensar no Campeonato Carioca. Após arrancar um empate nos últimos minutos do Barcelona de Guayaquil (1 a 1), no Equador, pela Libertadores, o time de Jair Ventura vira a chave e concentra suas forças na semifinal de domingo contra o Flamengo, às 16h, no Maracanã. Só a vitória basta aos alvinegros no clássico, já que por ter feito melhor campanha na fase de classificação, os rubro-negros têm a vantagem do empate.

Jair Ventura quer o time inteiro contra o FlamengoSatiro Sodré/SSPress/Botafogo

Os jogadores realizaram um treino de recuperação muscular ainda na academia do hotel, no Equador, antes de embarcar rumo ao Rio de Janeiro. O pouco tempo de descanso tem de ser bem administrado para ser fundamental ao rendimento: o time alvinegro disputou três partidas decisivas em sequência, com direito a duas viagens internacionais em sete dias. Há pouco mais de uma semana, o Botafogo venceu o Atlético Nacional (2 a 0), na Colômbia, pela Libertadores.

Três dias depois, parte do elenco já estava no Rio para disputar a final da Taça Rio, contra o Vasco — derrota por 2 a 0. Na última quinta-feira, o time disputava a Libertadores novamente, desta vez no Equador, contra o Barcelona de Guayaquil (1 a 1).

Contra o Fla, Jair Ventura terá dois desfalques: o zagueiro Marcelo e o volante Bruno Silva, expulsos na final da Taça Rio. Para substituir o defensor, Emerson Santos deve compor a zaga, enquanto Dudu Cearense é o mais cotado para entrar no meio.