PM prende assaltante que invadiu condomínio

Após roubar veículo, bandido se esconde em prédio em Jacarepaguá. Atuação da polícia foi elogiada por moradores

Por O Dia

Rio - Um homem invadiu um prédio residencial na Rua Retiro dos Artistas, em Jacarepaguá, na Zona Oeste, na manhã de ontem, para fugir de policiais militares. Ele havia roubado um carro na região. Antônio Carlos Moreira de Araújo Filho, de 27 anos, morador da Cidade de Deus, foi preso quando estava escondido no quarto andar do prédio e encaminhado para a 32ª DP (Taquara).

Antônio Carlos foi preso no condomínio. Moradores ressaltaram a atuação eficiente dos PMs Divulgação

Por volta das 6h30, o acusado abordou uma família que estava num Nissan Versa, parado no sinal também na Retiro dos Artistas. Ele exigiu que o motorista Jayme Carneiro, 64 anos, militar reformado do Exército, saísse do carro com a esposa, a filha e o neto pequeno.

“Ele me rendeu, disse que me mataria e mandou largar tudo no carro. Foi muita ousadia dele, mas contra um calibre 38 e cinco balas a gente não pode fazer nada”, disse Jayme, após prestar depoimento na delegacia.
Ao fugir com o veículo, o alarme do carro disparou e assustou o ladrão, que acabou invadindo um condomínio. Acionados pela vítima do assalto, policiais militares perseguiram o criminoso e cercaram o prédio. Araújo Filho foi encontrado no quarto andar, mas nenhum apartamento foi arrombado e ninguém ficou ferido.

“Eu e meu marido vimos quando o assaltante entrou no prédio correndo, ele foi direto para o bloco 2. Mas não houve pânico. Os moradores ajudaram na ação. Não teve troca de tiro nem violência. Os policiais agiram muito bem e ninguém se machucou. Isso é o que importa”, contou a moradora Andréa Lucia, de 47 anos.

De acordo com policiais do 18º BPM (Jacarepaguá), o bandido já tinha três passagens pela polícia por roubo. “Quando o encontramos, ele estava desarmado. Logo depois, nos mostrou onde havia escondido a arma, um calibre 38, no térreo. Em nenhum momento ele reagiu. Cinco viaturas cercaram o prédio, eram dez policiais atrás dele”, detalhou o sargento Da Silva.

O número de roubos de veículos na área da 32ª DP (Taquara) aumentou este ano, entre janeiro e abril, se comparado ao mesmo período de 2013. Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP), foram 94 casos, 62 roubos a mais do que no ano passado.

Últimas de Rio De Janeiro