Paes: Pedidos levariam aposentadoria a R$ 132 mil

Segundo a prefeitura, os professores ganhariam R$ 10 mil no início da carreira

Por O Dia

Rio - Na manhã desta sexta-feira, o prefeito Eduardo Paes mostrou ao Conselho da Cidade o balanço das metas do Plano Estratégico, com ênfase na Educação, já prevendo a manifestação da tarde. O prefeito e a secretária de Educação, Claudia Costin, apresentaram números para justificar investimentos.

“Pelo nosso plano, professor com carga horário de 40 horas tem salário inicial de R$ 4.147 e se aposenta com R$ 10.447, fora os benefícios. Pela proposta do Sepe, a aposentadoria é com salário de R$ 132 mil”, disse Paes, afirmando que o Rio paga o maior salário do país aos professores. O salário inicial, segundo Paes, seria de R$ 10 mil pela proposta do Sepe.

Paes criticou proposta do Sepe pela manhãSeverino Silva / Agência O Dia

Já para o Sepe, o novo plano não respeita paridade nem a valorização por tempo de serviço e por formação. “Conseguiram piorar o plano atual”, disse Susana Gutierrez. A professora Isabel Costa contestou os cálculos. “A proposta do Sepe é o piso de cinco salários mínimos. Em Caxias ganho R$ 5.200 por 15 horas. No Rio, R$ 2.300 por 16 horas”.

Balanço da prefeitura mostrou metas que não foram cumpridas, como redução da mortalidade infantil. Em 2008, o índice de óbitos a cada mil nascidos era de 13,7 e a meta de reduzir para 11,6 neste ano não foi atingida.O índice está em 12,7 e a meta para 2016 é 9,8.

“Aumentamos a cobertura do Saúde da Família de 3,5% para 41%, mas o índice de mortalidade não reduziu ao nível que desejamos”, admitiu Paes. Segundo o chefe da Casa Civil, Pedro Paulo Teixeira, 67% das metas têm alta probabilidade de serem atingidas. Dentre elas não está a integração do bilhete único aos trens e barcas, cujo prazo expirou em junho

Últimas de _legado_Educação