Padre Omar: A beleza da missão específica

Se alguém sai de um emprego, no dia seguinte tem outro realizando suas tarefas. Mas para Deus eu e você somos únicos

Por O Dia

Rio - Já parou para pensar qual é sua missão? Talvez seja fácil pelo aspecto profissional ou familiar. Mas é importante também refletir sobre o carisma que o próprio Deus concedeu a você para a realização de uma missão específica. Na nossa sociedade, ninguém é insubstituível. Se alguém sai de um emprego, no dia seguinte tem outro realizando suas tarefas. Mas para Deus eu e você somos únicos. Se deixarmos de realizar algo, não será feito por outro. O que é confiado a nós não é passado a terceiros. Por isso, precisamos estar atentos às inspirações do Senhor, que nos ajudam a descobrir qual a nossa missão específica.

A liturgia de hoje nos leva a prestar mais atenção à vida de dois grandes homens de fé: Pedro e Paulo — de personalidades diferentes, com missões diversas e, no entanto, complementares. A Pedro coube dar firmeza na fé aos seus irmãos, por meio de pastoreio que administrava as responsabilidades da evangelização. E a Paulo, a de ser testemunha de Cristo até os confins, anunciando o Reino de Deus. Um, com a responsabilidade institucional, e outro, com a criatividade e a ousadia, levaram a Igreja à frente e enriqueceram a fé de todos nós.

E você? Qual é a forma de evangelizar que só você tem? Qual o talento que te diferencia dos outros, no trabalho para Deus? Talvez seja sua voz, o modo como canta ou prega, talvez o seu talento para redigir, talvez seu jeito caridoso de ser ou seu olhar de misericórdia... Tudo isso evangeliza e faz de você alguém único, aos olhos de Deus e também dos que estão ao seu redor.

É linda a verdade dita a Pedro: “Por isso eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha Igreja, e o poder do inferno nunca poderá vencê-la.” (Mt 16,18) Eu e você somos Igreja viva — insubstituíveis em nossos carismas para a missão e invencíveis pelo Inimigo que quer que não realizemos o que nos foi confiado pelo Senhor. Creia e avance!

Últimas de Rio De Janeiro