GOVERNO E SERVIDORES SE REÚNEM HOJE

Por O Dia

Durante a reunião com Pezão ontem, servidores estaduais fizeram vigília na porta do Palácio Guanabara
Durante a reunião com Pezão ontem, servidores estaduais fizeram vigília na porta do Palácio Guanabara - Maíra Coelho /Agência O DIA

Após dois adiamentos, hoje finalmente representantes dos servidores públicos estaduais e o governo do estado vão se reunir, às 15h no Palácio Guanabara. Na pauta, informou o Movimento Unificado dos Servidores Públicos Estaduais (Muspe), estão o pagamento de atrasados, inclusive salários para quem ainda não recebeu - ontem o governo pagou os vencimentos de novembro a 134,7 mil funcionários, mas 71 mil não viram a cor do dinheiro-, pagamento de juros por conta dos repetidos atrasos dos vencimentos, progressão e promoção de todas as carreiras do Executivo, usando o exemplo da Polícia Civil, e a chamada de concursados.

"Esperamos que o governador firme uma data para os pagamentos dos servidores públicos, já que agora há previsibilidade de entrada de recursos", afirma Ramon Carrera, diretor-geral do Sind-Justiça e integrante do Muspe.

Conforme o governador Luiz Fernando Pezão informou ao DIA, a expectativa é de que o próximo ano seja melhor, pois além de todas as medidas que foram tomadas para reduzir os custos, a arrecadação está subindo. No início do ano, por exemplo, o estado deve arrecadar mais R$ 1 bilhão com os royalties do petróleo e ainda há a expectativa da securitização da dívida pública, que deve render mais US$ 1 bilhão, cerca de R$ 3,6 bilhões, aos cofres do estado. "O montante que deve entrar no início do ano dá para pagar mais de uma folha de pagamento", avalia Mauro Osório, economista e professor da UFRJ.

Comentários