Flávio Ricco: TVs exibem comerciais que não interessam às crianças

Para quem pode servir remédio para celulite, no meio de um desenho da ‘Peppa’, como o Discovery tem apresentado ou mesmo a “subliminar” da Jequiti, com sua marca desenhada no chão do estúdio do ‘Bom Dia & Cia.’?

Por O Dia

Rio - Assim como a existência da “classificação indicativa”, que acaba de sofrer alterações, a propaganda ou não nos programas infantis é uma discussão que se arrasta há anos, sem conclusões mais seguras sobre o que pode ou não ser veiculado, o que é ou não permitido. Méritos à parte, o que se exige nessas e em outras tantas situações é que o bom senso e o bom juízo prevaleçam. Só isto já será o suficiente, antes de qualquer imposição ou de algo que se insista em transformar em lei. O que mais tem chamado a atenção nos canais dirigidos ao público infantil é a existência de uma programação comercial que nem sempre se ajusta ao seu público alvo.

Para quem pode servir remédio para celulite, no meio de um desenho da ‘Peppa’, como o Discovery tem apresentado ou mesmo a “subliminar” da Jequiti, com sua marca grotescamente desenhada pelo SBT no chão do estúdio do ‘Bom Dia & Cia.’? Criança nenhuma, até prova em contrário, tem algum interesse em perfumes com marcas de artistas, que eles nem conhecem, ou cremes de beleza para pele, rosto ou corpo. São iniciativas que, antes de tudo, intrigam: qual a verdadeira utilidade delas?  

Quebra de protocolo

Em entrevista a Cinthia Martins, do SporTV, João Carlos Martins lembrou de uma reportagem que ele gravou em homenagem ao maratonista Vanderlei Cordeiro de Lima — sua inspiração para se tornar maestro após os problemas nas mãos. A emoção tomou conta. E a cena terminou com um beijo carinhoso da repórter no maestro. 

Não é interessante? 

Durante a campanha eleitoral, o que mais se vê na televisão é candidato comendo pastel e tomando café em boteco. Depois de eleitos, a vontade de comer pastel ou encarar coxinha e ovo de estufa passa misteriosamente. 

Com toda certeza

Basta acompanhar a propaganda gratuita dos candidatos a vereador para verificar que a maioria não tem a menor noção de como usar o espaço na televisão e da total ignorância de quanto ele vale. Alguns se dão ao capricho de aparecer com cachorro na mão ou vestidos de palhaço. 

Avacalhação

As leis eleitorais deveriam ser mais rigorosas neste aspecto, porque o mínimo que se espera dessas pessoas é um comportamento mais adequado para entrar na casa dos outros.

O que se constata é exatamente o contrário. Quanto mais esculhambado, melhor.

Lista 1

Com as suas filas de novelas e respectivos autores definidos para os próximos três anos, a teledramaturgia da Globo tenta agora administrar os inúmeros pedidos de reservas que chegam para os principais atores do elenco.

Lista 2 

Claudia Raia e Bruna Marquezine, do lado das mulheres, são as mais procuradas. Quanto aos homens, Tony Ramos segue com folga na liderança. 

Lista 3

Já de algum tempo a Globo limitou o número de reservas para cada produção. Isto, de certa forma, facilitou um pouco.

Um a um

O que se informa na Band, naquilo que diz respeito ao seu esporte, é que todos os seus integrantes, com contrato em vigor ou não e sem qualquer exceção, serão chamados para reduzir salário. É a única maneira, informa-se, de manter o emprego de todos.

Últimas de Diversão