Botafogo fica no empate sem gols com o Ceará, mas segue na ponta da Série B

Glorioso teve chances de vencer, mas não conseguiu marcar

Por O Dia

Ceará - O Botafogo seguea na liderança da Série B. Porém, o Glorioso teve a chance de abrir quatro pontos de vantagem para o vice-líder Paysandu, que perdeu mais cedo para o Bahia, mas ficou no empate sem gols contra o Ceará, no Castelão. Apesar da diferença entre as equipes na tabela, o Vozão está na zona de rebaixamento da Série B, o clube carioca teve muitas dificuldades no duelo.

Na próxima rodada, o Botafogo vai enfrentar o Bragantino, novamente fora de casa, na sexta-feira, às 21h50. Já o Ceará recebe o Criciúma, no mesmo dia, ás 19h30, no Castelão.

Botafogo ficou no empate no CastelãoDivulgação

O JOGO

A partida contra o Ceará não começou nada bem para o Botafogo. Apesar da diferença das equipes na tabela, o clube carioca é o líder e o Vozão está na zona da debola, a equipe da casa começou a partida tentando valer do mando de campo para pressionar o Glorioso no Castelão. Com apenas sete minutos, duas chances claras de gol haviam sido criadas e perdidas pelo time de Geninho. A primeira com Sandro, após lançamento de Ricardinho, que Jefferson saiu bem do gol. Na segunda com uma finalização do próprio Ricardinho, que o goleiro da seleção brasileira foi bem e fez grande defesa.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

A primeira chance do Botafogo aconteceu aos 13 minutos. A defesa do Ceará deu bobeira e Tomas Bastos encheu o pé para boa defesa de Tiago. Mesmo com a oportunidade do Glorioso, o Vozão continuava melhor no duelo. Aos 23 minutos, Fabinho teve liberdade e finalizou, a bola passou tirando tinha da baliza do clube de General Severiano.

Botafogo, de René Simões, segue na liderançaDivulgação

As coisas só começaram a ficar mais equilibradas a partir dos 30 minutos. E foi somente depois disso que os cariocas tiveram a sua melhor oportunidade na partida. Sumido até este momento, o atacante Luis Henrique teve liberdade, recebeu na entrada da área e soltou a bomba, que explodiu no travessão da equipe cearense.

Na segunda etapa, o ímpeto das equipes caiu bastante. O Ceará seguia com mais posse de bola, mas não conseguia criar as chances do primeiro tempo. Ainda recuado, o Botafogo tentava buscar jogada em contra-ataque mais tinha muita dificuldade de fazer a bola chegar nos atacantes.

A melhor chance do Botafogo foi aos 31 minutos da segunda etapa. Em contra-ataque puxado por Willian Arão, Sassá recebeu em boas condições, mas ao invés de bater para o gol, preferiu o passe, com isso, a zaga do Ceará chegou primeiro e evitou que o Glorioso abrisse o placar. 

Nos últimos minutos da partida, o Ceará rondou a área do Botafogo, mas buscou muitas jogadas aéreas. Em uma delas, Jefferson fez uma grande defesa em uma cabeçada de Rafael Costa. Depois disso, foi a vez do Botafogo perder uma outra grande chance com Lulinha, após bela jogada de Luis Ricardo. Apesar das chances, as duas equipes não conseguiram marcar.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 0 X 0 BOTAFOGO

Local: Castelão (CE), Fortaleza (CE)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Auxiliares: Marcos Welb Rocha de Amorim (BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA)
Cartões amarelos: Rodrigo Pimpão, Daniel Carvalho e Sassá (Botafogo); Roger Gaúcho

CEARÁ: Tiago Campagnaro; Roniery, Sandro, Gilvan e Victor Luís; Sandro Manoel, Ricardinho, Baraka e Wescley (Roger Gaúcho, aos 24'/2°T); Fabinho e Rafael Costa (Rodrigo Silva, aos 17'/2°T) - Técnico: Geninho.

BOTAFOGO: Jefferson; Luis Ricardo, Renan Fonseca, Roger Carvalho e Carleto; Diego Giaretta, Willian Arão, Tomas (Lulinha, aos 40'/2°T) e Daniel Carvalho (Gegê, aos 22'/2°T); Rodrigo Pimpão e Luis Henrique (Sassá, aos 30'/2°T) - Técnico: René Simões.