Vasco muda de atitude para voltar a vencer

Cruzmaltino volta ao 4-3-3 contra o Bragantino

Por O Dia

São Paulo - Na escalação com três zagueiros, utilizada por Adilson Batista no primeiro tempo contra o Joinville, definitivamente não agradou ao treinador. O jeito então é voltar a utilizar o esquema que deu certo principalmente durante o Estadual. Nesta terça, às 21h50, contra o Bragantino, no Estádio Nabi Abi Chedid, o comandante do Vasco deve usar novamente o 4-3-3 com direito as suas peças-chaves na equipe.

Edmilson vai enfrentar o BragantinoDivulgação

O Gigante vem de dois empates consecutivos e atuações muito abaixo do que foi apresentado no Campeonato Carioca. Por isso, com o objetivo de chegar ao G-4 da Série B antes mesmo da parada para a Copa do Mundo, Adilson Batista, além da vitória, espera ver sua equipe subir de rendimento em campo. Para isso, ele já tem contado com a volta do zagueiro Rodrigo, do volante Pedro Ken e do atacante Edmilson.

À espera de Guiñazu para completar a lista, os homens de confiança do treinador ainda precisam de ritmo, mas acreditam que já estão em condições de ajudar a equipe.

“A equipe caiu de rendimento, pois Adilson ficou sem as opções que ele tinha e contava. Um dos pontos fortes da equipe no Carioca era a nossa defesa e o Edmilson, no ataque, estava em excelente fase. Agora é a hora da retomada da espinha dorsal do nosso time. Com o meu retorno, do Pedro Ken e do Edmilson vai ficar faltando apenas a volta do Guiñazu”, avaliou Rodrigo, que acrescentou: “Quando a gente encaixar, podem ter certeza que entraremos de vez para disputar o título.” No treino de segunda, Adilson escalou Guilherme Biteco e Yago entre os titulares.

Carioca: TJD aceita recurso e julgará caso

Os auditores do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ) aceitaram ontem à noite o recurso pedido pela diretoria do Vasco para julgamento da impugnação da final do Campeonato Carioca de 2014.

Na ocasião, o Flamengo foi consagrado campeão com um gol de Márcio Araújo, que estava impedido no lance. O Vasco tentará a anulação daquela decisão e o julgamento será realizado nesta quinta-feira, às 18h