Trump quer orçamento maior para Defesa e cortes em Educação e Meio Ambiente

Presidente dos EUA enviará proposta ao Congresso nesta quinta.

Por O Dia

EUA - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, enviará nesta semana ao Congresso sua proposta de orçamento para 2018, que inclui um aumento na despesa em defesa e cortes em meio ambiente, educação e habitação.

Trump pedirá a seus correligionários republicanos, com maioria no Congresso, que reduzam as verbas destinadas ao Departamento de Habitação e Desenvolvimento Urbano, ao Departamento de Educação e à Agência de Proteção Meio Ambiental (EPA), dirigida por Scott Pruitt, um cético da mudança climática.

O governo de Trump também quer eliminar uma verba do Departamento de Habitação de US$ 3 bilhões destinada a fornecer imóveis decentes e acessíveis às comunidades mais vulneráveis, assim como à criação de empregos mediante a expansão de negócios em áreas deprimidas.

No entanto, o governo planeja aumentar em US$ 54 bilhões o orçamento destinado ao Departamento de Defesa. "Infelizmente, não temos outra alternativa do que reinvestir em nosso corpo militar e nos converter de novo em uma potência militar de primeira ordem", disse no domingo o assessor econômico da Casa Branca, Gary Cohn, em entrevista à "Fox".

Gestão de Donald Trump rechaça mudanças climáticas e Meio Ambiente deverá perder importânciaEPA

A despesa militar dos Estados Unidos em 2015 foi já de US$ 601 bilhões, um número maior ao orçamento militar dos sete países do mundo que gastam mais em defesa depois dos EUA.

A filosofia de Trump de "Estados Unidos primeiro" também fará com que o presidente corte 37% do orçamento do Departamento de Estado, uma drástica redução que poderia limitar a assistência americano ao desenvolvimento e a ajuda econômica à América Latina, segundo apontam os especialistas.

A Casa Branca confirmou que nesta quinta-feira apresentará sua proposta de orçamento para o ano fiscal 2018, que compreende o período desde 1 de outubro de 2017 até 30 de setembro de 2018.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência