FaceGlória: ‘like’ vira ‘amém’ em rede social evangélica

Na página é possível seguir outros internautas, além de ouvir música gospel

Por O Dia

São Paulo - A nova sensação da Internet não é um vídeo bizarro nem muito menos um novo "meme", mas sim, o FaceGlória ou "Facebook Evangélico", uma nova rede social voltada para o público evangélico e que se autodenomina da família cristã. Na página, os "likes" foram substituídos por "améns" e beijo gay, pornografias e palavrões estão veementementes proibidos.

A rede social já conta com 50 mil membrosDivulgação

No ar desde o início de junho e com investimento de R$ 40 mil, o FaceGlória já conta com 50 mil membros. Segundo um dos criadores da iniciativa, Átilla Barros, a rede social pretende reunir pessoas que compartilham da mesma fé e se simpatizam com os ensinamentos cristãos."O FaceGlória tem o objetivo de ser voltado aos jovens de cabeça sadia, voltado para a família”, disse o designer, que pretende alcançar 10 milhões de adeptos em apenas um ano.

Estrelas do mundo gospel também apoiam a ideia e ajudam a divulgar a iniciativa, como as cantoras Aline Barros e Bruna Karla. O FaceGlória também convida pessoas do público gay a fazerem suas contas. No entanto, não podem usar o site para divulgar suas "ideologias". “Respeitamos homossexuais, mas esta rede é para a família, e para nós família é um homem e uma mulher", disse Átilla em entrevista ao jornal El País.

Estrelas do mundo gospel também apoiam a ideia e ajudam a divulgar a iniciativa%2C como as cantoras Aline Barros e Bruna KarlaDivulgação

Paqueras e fotos de roupas de banho estão liberadas, desde que sejam decentes. "A limitação inclui pornografia, palavrão, fotos que mostrem o consumo de álcool, cigarro e outras drogas, além de cenas de violência. Por outro lado, não serão vetadas imagens de mães amamentando nem as que mostrarem mulheres de biquíni", finalizou Átilla. 

O controle do conteúdo é garantido por uma equipe que fiscaliza o que é postado, e quem viola as regras é punido com a exclusão do perfil. Para participar da rede social basta cadastrar um email e criar uma senha. Na página é possível seguir outros internautas, além de ouvir música gospel.








Últimas de _legado_Brasil