Informe do DIA: Temer faltará reunião do CDES para fazer campanha no Sul

Candidato à reeleição na presidência do PMDB, vice de Dilma estará em Curitiba e Florianópolis na próxima quinta-feira

Por O Dia

Rio - Depois de aconselhar a presidente Dilma Rousseff a “ouvir mais do que falar”, o vice Michel Temer não comparecerá à reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, formado por empresários e outras lideranças da sociedade. O encontro está marcado para a próxima quinta-feira, dia 28, em Brasília.

Candidato à reeleição na presidência do PMDB, Temer estará em campanha pelo Sul, em Curitiba e Florianópolis.

Beija-mão

O deputado Leonardo Quintão (MG) ligou na sexta-feira para Michel Temer para tratar da disputa pela liderança do PMDB na Câmara. Em seguida, passou o telefone para o atual líder, Leonardo Picciani (RJ), candidato à reeleição. A ambos, Temer disse que não se envolveria na briga. O vice adotou o mesmo discurso ao conversar, em São Paulo, com Hugo Motta (PB), apoiado por Eduardo Cunha.

Sobrevivente

Último fundador vivo do PSB, Roberto Amaral está de malas prontas para deixar a legenda. “Os partidos foram destruídos pelo pragmatismo”, lamenta o ex-ministro do governo Lula. Amaral não pretende se filiar a nenhum partido.

Novos dissidentes

Quem também vai deixar o PSB é a ex-prefeita de São Paulo Luiza Erundina. Deputada federal, ela vai para o novíssimo Raiz, em fase de criação, junto com os insatisfeitos da Rede da ex-presidenciável Marina Silva.

Com Paulo Cappelli

Últimas de Rio De Janeiro