Rodrigo Janot: 'Segovia está fazendo o que foi contratado para fazer'

Por O Dia

O ex-procurador-geral Rodrigo Janot reagiu às críticas do novo diretor da Polícia Federal, Fernando Segovia, à sua gestão, feitas logo após sua cerimônia de posse, em Brasília. "Ele está fazendo o que foi contratado para fazer", afirmou o ex-chefe do Ministério Público Federal (MPF).

"Quem pôs esse deadline, que finalizou a investigação, foi a Procuradoria-Geral da República. Talvez ela seja a melhor a explicar por que foi feito aquilo naquele momento e por que o senhor Joesley (Batista) sabia o que ia acontecer para que ele conseguisse ganhar milhões no mercado de capitais", disse Segovia.

Janot disse que a PF "nunca pontuou" a necessidade de mais tempo ou diligências. O ex-procurador-geral destacou que as operações foram realizadas em parceria com policiais federais. "As interceptações e ações controladas da primeira denúncia foram feitas por quem? PF", afirmou. "E aconselho a ele a leitura do relatório do DPF que instruiu a segunda denúncia. O delegado responsável pela investigação tem opinião diversa", finalizou.

Comentários

Últimas de Brasil