Sonho está vivo

De olho na vaga na Liberta, Vasco vence o Cruzeiro, entra no G-7 e hoje seca o Botafogo contra o Palmeiras

Por O Dia

Com excelente atuação de Martín Silva, o Vasco fez a sua parte no Mineirão e derrotou o Cruzeiro por 1 a 0, com gol de Paulão, de cabeça. O time subiu para o sétimo lugar no Brasileirão, com 53 pontos. Mas, para encerrar a rodada no G-7, precisa secar o Botafogo, oitavo colocado, com 52, no jogo de hoje contra o Palmeiras, em São Paulo. Com o sonho da Libertadores ainda vivo, o Vasco volta a campo domingo, diante da já rebaixada Ponte Preta, em São Januário.

Zé Ricardo optou por Evander no meio de campo no time titular e ainda contou com o retorno de Anderson Martins e Madson, recuperados de lesão. O Vasco viu o Cruzeiro começar melhor a partida, mas conseguiu abrir o placar aos 20 minutos: após cobrança de escanteio de Nenê, Paulão cabeceou para o gol.

MARTÍN SILVA BRILHA

A Raposa criou chances para empatar, tanto no primeiro quanto no segundo tempo. Mas parou em Martín Silva, em tarde inspirada. Arrascaeta, aos 29, teve chance de deixar tudo igual. Dois minutos depois, outro lance de perigo do Cruzeiro: Rafinha fez boa jogada pela esquerda e tocou para o uruguaio chutar. Foi a vez do zagueiro Henrique salvar o Vasco.

O time voltou do intervalo com Jean no lugar de Evander. Depois, Paulinho deu lugar a Wagner enquanto Nenê foi substituído por Mateus Vital. O Cruzeiro seguiu pressionando em busca do empate. Aos 26, Thiago Neves cruzou e Anderson Martins apareceu para salvar o Vasco antes que Digão deixasse tudo igual.

Pikachu também chegou com perigo e teve a chance de ampliar para o time da Colina, mas Lucas Romero fez o corte. Martín Silva voltou a salvar o Vasco, deixando vivo o sonho da Libertadores.

Comentários

Últimas de Esporte