Motorista bêbado avança sinal, mata duas pessoas e fere outras três no Recife

João Victor de Oliveira estava em altíssima velocidade quando colidiu com carro onde estavam Maria Emília Guimarães e Roseana Maria de Brito; duas crianças e o pai estão em estado grave

Por O Dia

Recife - Um acidente envolvendo dois carros causou a morte de duas mulheres e deixou quatro pessoas feridas por volta das 19h30 desse domingo, no cruzamento da Estrada do Arraial com a Rua Cônego Barata, no bairro da Tamarineira, Zona Norte do Recife (PE).

O carro das vítimas capotou e ficou completamente destruído após a colisãoReprodução/TV Globo

De acordo com imagens de segurança de um edifício, um homem que dirigia seu veículo em alta velocidade avançou o semáforo fechado e colidiu com outro veículo, com quatro pessoas de uma mesma família e uma babá. Atingido com violência, o carro capotou e atingiu a mureta de um prédio.

Maria Emília Guimarães, 39 anos, funcionária do Tribunal de Justiça (TJ), e a babá Roseana Maria de Brito Souza, de 23 anos não resistiram aos ferimentos e morreram. A TV Globo informou que Roseana estava grávida e que o motorista que avançou o sinal estava embriagado. O marido de Maria Emília, o advogado Miguel Arruda da Motta Silveira Filho, de 46 anos, e os filhos Marcela Guimarães Motta Silveira, de 5 anos, e Miguel Arruda da Motta Silveira Neto, de 4 anos, estão internados em estado grave no Hospital Santa Joanna, no Recife.

João Victor Ribeiro de Oliveira, motorista apontado como responsável pela colisão foi levado a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em virtude de um sangramento na perna direita e, em seguida, à Central de Flagrantes da Polícia Civil.

Segundo Ricardo Silveira, delegado da Central de Plantões da capital, Oliveira, de 25 anos, foi autuado em flagrante pelo o duplo homicídio doloso e por três lesões corporais gravíssimas no pai e nas crianças. "Ele disse que não se lembra de ter estado nos locais e que era ex-interno de uma clínica de reabilitação de dependentes químicos. Em alguns momentos ele confessou que tinha bebido e feito besteira", explicou o delegado. Oliveira será encaminhado nesta segunda-feira para audiência de custódia.

Últimas de Brasil