Mata-leão! Torcida boa demais da conta

Matheus Nicolau vai ter a chance de estrear no UFC no Brasil

Por O Dia


Rio - O estômago fica revirado, as mãos suam, há o descontrole emocional e braços e pernas parecem não obedecer ao cérebro. A estreia no UFC é sempre marcada por muita tensão, mas, principalmente, por incrível pressão a que o atleta é submetido. Ex-participante do TUF Brasil 4, Matheus Nicolau, de 22 anos, vai para sua primeira luta oficial no evento, dia 7, e ganhou um trunfo importante, que vai fazê-lo se sentir em casa: uma caravana atravessará os 586 km entre as cidades de Belo Horizonte e São Paulo e promete empurrá-lo para a vitória contra Bruno Korea.

Matheus Nicolau vai encarar Bruno Korea em sua primeira luta no UltimateReprodução Internet

“Lutar no Brasil é sempre legal, ainda mais porque será perto de casa. Amigos, parentes e irmãos vão me prestigiar e isso dá ânimo. Tem uma galera confirmada”, diz o peso-galo, ansioso: “Ainda não tem um grito especial, mas tenho certeza de que eles vão me surpreender. É segredo.”

O Ibirapuera vai ganhar um sotaque manso e ‘bom demais da conta’.

Lutador reclama de demissão: 'Não concordo'

Uma segunda chance no UFC tem sido como achar água no deserto. Comandado a mãos de vaca, o evento demitiu 17 lutadores esta semana, entre eles cinco brasileiros. Ivan Batman sofreu o corte na carne e reclama: “Não concordei com a demissão, ainda tinha três lutas no contrato. Meu plano é continuar lutando e sendo reconhecido. Pretendo ir para outros eventos internacionais, que estão crescendo. Nunca descarto voltar ao UFC.”

Reviravolta na carreira de Davi Ramos

O título do ADCC 2015 (campeonato de luta agarrada, sem quimono) mudou a vida de Davi Ramos. O arm-lock voador em cima de Lucas Lepri chamou a atenção do mundo e os convites para clínicas e seminários não param de chegar. O lutador está na Rússia, ensinando jiu-jítsu, mas seu foco é outro: “Foi uma linda conquista, tudo mudou. Está sendo ótimo passar ensinamentos e técnicas, mas quero lutar MMA novamente”, afirmou.