Zidane afirma que não sabe se ficará no Real Madrid na próxima temporada

Técnico fez a revelação ao dizer que 'não está preparando nada' para o ciclo 2017/2018 pelo fato de 'não ter continuidade garantida' no clube

Por O Dia

Espanha - Na véspera de enfrentar o Atlético de Madrid no clássico deste sábado, às 11h15 (de Brasília), no Santiago Bernabéu, pelo Campeonato Espanhol, Zinedine Zidane surpreendeu ao afirmar que não sabe se seguirá no Real Madrid para a próxima temporada do futebol europeu. O técnico fez a revelação ao dizer que "não está preparando nada" para o ciclo 2017/2018 pelo fato de "não ter continuidade garantida" no clube.

Zidane não sabe continuará no Real MadridEFE

A revelação de Zidane foi surpreendente também pelo fato de que ele está há muitos anos no clube, onde se tornou ídolo como jogador, assim como ele vem tendo uma passagem vitoriosa como técnico do time, no qual anteriormente trabalhou dirigindo a equipe de base. No comando dos profissionais desde o início do ano passado, de lá para cá faturou a Liga dos Campeões, o Mundial de Clubes da Fifa e a Supercopa da Uefa.

Apesar destes feitos, Zidane deixou claro nesta sexta-feira que não é fácil conviver com a pressão sempre grande que é inerente ao cargo de técnico do Real. "Só estou pensando nesta temporada. Sabemos da importância deste clube, o conheço, e sei o que é treinar o Real Madrid para o bem ou para o mal. Estou preparado para tudo e por isso só falo do jogo seguinte, que é o único que me interessa. Sempre vai ser assim até meu último dia aqui como treinador. O jogo importante é o de amanhã, quando há três pontos em jogo. O resto não sei o que vai acontecer", afirmou o comandante, em entrevista coletiva nesta sexta-feira.

Zidane, entretanto, fez questão de enfatizar que se sente um privilegiado por hoje estar dirigindo o Real como técnico, assim como ressaltou que é uma pessoa sempre otimista em relação aos seus objetivos. "Sempre sou positivo, aconteça o que aconteça na vida. Tenho a sorte de estar aqui e de fazer o que gosto todos os dias. Há muita gente no mundo que não gosta do que faz e por isso aproveito cada dia e sou positivo", completou.

Sem saber sobre como será o seu futuro, Zidane afirmou também nesta sexta que vê o clássico deste sábado como um duelo sem favoritos, embora o Real tenha uma equipe considerada mais forte e ocupe a liderança do Campeonato Espanhol, com dez pontos de vantagem sobre o Atlético de Madrid, o terceiro colocado.

"Ninguém é favorito. Há três pontos em jogo e veremos o que vai acontecer. Sabemos que cada jogo tem a sua história. O Atlético está muito bem e não espero nada do que foi o jogo no primeiro turno (no qual o Real bateu o rival por 3 a 0, com três gols de Cristiano Ronaldo, no Vicente Calderón). Sofreremos. Estamos concentrados e todos queremos ver um grande jogo de futebol", ressaltou Zidane, que também adota um discurso cauteloso até pelo fato de que o time comandado por Diego Simeone levou a melhor sobre o Real nos três clássicos anteriores disputados no Santiago Bernabéu pelo Espanhol.

"Não tenho explicação (para estas derrotas). Eu lamento, mas é assim. Veremos amanhã. Não tenho precisamente desejo de revanche, mas sim desejo de ganhar este desafio. Há três pontos em jogo. No primeiro turno ganhamos, mas não sabemos o que acontecerá amanhã", completou.

Últimas de Esporte