Após chororô do Palmeiras, CBF afirma que arbitragem errou a favor do Botafogo

Lance polêmico acabou gerando gol do Alvinegro no Nilton Santos

Por O Dia

Rio - O Palmeiras venceu o Botafogo por 2 a 1 na última rodada do Campeonato Brasileiro no estádio Nilton Santos. No entanto, depois do jogo, o time paulista contestou muito a arbitragem por causa de um gol em impedimento do Alvinegro. O diretor de futebol Alexandre Mattos então reclamou na CBF sobre a atuação do árbitro Rafael Traci, que quase tirou a vitória do Verdão.

Rodrigo Pimpão marcou um gol contra o Palmeiras%2C mas estava impedidoReprodução Youtube

Após o chororô do Verdão, a entidade resolveu se manifestar de forma oficial confirmando que Pimpão estava em posição de impedimento. O lance aconteceu aos 9 minutos do segundo tempo, quando o Palmeiras vencia por 1 a 0. Após cruzamento pela esquerda, Roger apareceu no segundo pau para bater para o gol. Jailson espalmou, mas Rodrigo Pimpão apareceu no rebote para cabecear para as redes. No entanto, o atacante alvinegro estava em posição irregular.

Confira a explicação da CBF:

Decisão equivocada da arbitragem

Descrição do lance: Jogador atacante em posição de impedimento cabeceia a bola ao gol. Árbitro assistente nada marca.  

Aplicação da regra: Um jogador em posição de impedimento no momento que a bola foi chutada ao gol por um companheiro recebe a bola na sequência após uma defesa deliberada (no caso goleiro) deve ser punido por impedimento - ganhar vantagem da posição.

Decisão regulamentar: impedimento – tiro livre indireto.