Zagueiros são decisivos e levam o Brasil à semifinal da Copa do Mundo

Com gols de Thiago Silva e David Luiz, Seleção derrota a Colômbia por 2 a 1 e vai enfrentar a Alemanha no Mineirão

Por O Dia

Ceará - Considerada a melhor dupla de zaga do mundo, todos os brasileiros apontavam David Luiz e Thiago Silva como grandes nomes da Seleção. Porém, o que poucos esperavam era que os jogadores fossem decisivos ofensivamente. Diante da Colômbia, nesta sexta-feira, os dois defensores tiveram uma grande atuação e ainda marcaram os dois gols da vitória brasileira no Castelão por 2 a 1. Cada um com uma história peculiar. Enquanto David Luiz deu mais um motivo para a escolha da Fifa, que elegeu o zagueiro parcialmente como o melhor jogador da Copa, Thiago Silva conseguiu dar uma das voltas por cima mais rápidas da história das Copas do Mundo. Após ser criticado por não ter cobrado pênaltis no confronto diante do Chile, o defensor teve uma grande atuação em Fortaleza e abriu o caminho para a classificação brasileira. 

LEIA MAIS: Neymar fratura vértebra e está fora da Copa do Mundo

A festa brasileira só não foi completa por conta de Neymar. O jogador se lesionou na região lombar e está fora da Copa. O atleta deixou a partida antes do fim do jogo depois de sofrer uma grave entrada do lateral-direito colombiano Zúñiga. O craque deixou a partida imediatamente e teve de ir de ambulância para um hospital de Fortaleza. Após realizar exames, o atacante teve confirmada a fratura de uma vértebra lombar e não vai se recuperar em menos de uma semana.

Thiago Silva abriu o placar para o BrasilAndré Mourão

Na semifinal, o Brasil volta ao palco da tensa partida contra o Chile para encarar a Alemanha. O Mineirão vai abrigar o segundo encontro das equipes em Copas do Mundo. No primeiro, a Seleção derrotou os europeus por 2 a 0 e levou o pentacampeonato no Japão, em 2002. A partida vai acontecer na terça-feira, às 17 horas. As duas equipes buscam chegar à sua oitava decisão de Copa do Mundo.

O JOGO

Em apenas sete minutos de partida, o peso de uma semana inteira de críticas saiu dos ombros de Thiago Silva. Na primeira jogada ofensiva da Seleção, o Brasil abriu o placar. Após escanteio cobrado por Neymar, a bola passou por David Luiz e sobrou para o capitão, que colocou a bola no fundo da rede. Na comemoração, o camisa 3 comemorou bastante e foi abraçado por todos os jogadores.

LEIA MAIS: Notícias e bastidores da Copa do Mundo

O gol no começou deu ao Brasil a possibilidade de esperar mais a Colômbia. Atrás pela primeira vez em um jogo desta Copa do Mundo, a equipe de Pekerman passou a ter dificuldades nos passes. Com uma marcação adiantada, a Seleção quase ampliou aos 17 minutos. Depois de outro escanteio, a bola sobrou com Hulk, o atacante cortou a zaga colombiana e bateu cruzado, mas a zaga rival impediu que a bola chegasse em David Luiz. Um minuto depois, nova tabela pela esqueda e de novo o camisa 7 ficou na cara do gol, mas, desta vez, brilhou a estrela do goleiro Ospina.

LEIA MAIS: Repórter da Globo é derrubado por multidão e arranca risos de Galvão

Depois de aparecer no ataque, Thiago Silva também mostrou a sua qualidade na defesa. Após contra-ataque puxado por James Rodríguez, o apoiador serviu Cuadrado em boas condições, mas na hora do passe, brilhou a estrela do capitão, que impediu o passe que deixaria Teo Gutiérrez na cara do gol. Aos 26 minutos, o Brasil chegou de novo. Após belo passe de Marcelo, Hulk chutou fortemente e de novo apareceu Ospina para defender.

David Luiz marca e amplia a vantagem brasileira no CastelãoReuters

Um pouco apagado na partida, Neymar teve sua melhor chance no primeiro tempo no finzinho. Aos 43 minutos, o camisa 10 sofreu falta perigosa. Na cobrança, o craque bateu um pouco acima da meta de Ospina, sem muito perigo para a Colômbia. Antes do apito para o intervalo, novamente Hulk chegou com perigo pela esquerda, mas novamente não conseguiu modificar o placar.

LEIA MAIS: Queda de Neymar na comemoração de gol vira febre nas redes sociais

Sem nenhuma modificação na escalação, o Brasil voltou para o segundo tempo atuando da mesma maneira da primeira etapa, marcando fortemente no campo colombiano, não dando espaço para os adversários. A primeira chegada foi novamente em uma bola parada, mas dessa vez a zaga adversária impediu que David Luiz subisse mais alto para marcar o segundo gol brasileiro.

FOTOGALERIA: Zaga decide e Brasil passa pela Colômbia

Apesar da grande atuação, o dia não seria perfeito para Thiago Silva. Aos 19 minutos, o jogador atrapalhou o goleiro Ospina em uma reposição de bola e acabou levando o cartão amarelo. Como já tinha levado um na competição, o jogador terá de cumprir suspensão contra a Alemanha. Um minuto depois, os colombianos balançaram a rede, porém, o lance foi invalidado, pois o ataque sul-americano estava impedido. 

Neymar sofreu fratura na vértebra lombar e está fora da CopaReuters

Logo depois, foi a vez de o outro zagueiro brasileiro aparecer no jogo e decidir. Em cobrança de falta perfeita, David Luiz colocou a bola no ângulo, sem chances de defesa para goleiro Ospina, deixando o Brasil em condições mais tranquilas na partida.

Sumido no duelo, James Rodríguez deu um belo passe para Bacca, que acabou derrubado por Julio Cesar. O goleiro recebeu cartão amarelo e o pênalti foi marcado. O próprio artilheiro da Copa cobrou e chegou ao sexto gol na competição: 2 a 1.

O fim de partida foi dramático para a seleção brasileira. Além do sufoco dos colombianos, que buscavam o segundo gol, a equipe ficou sem Neymar nos minutos finais. O jogador levou uma pacanda nas costas e foi substituído por Henrique. O craque do Brasil saiu de maca e chegou a chorar. Depois de exames em um hospital de Fortaleza, o jogador teve uma fratura vertebral confirmada e está fora da Copa. Em campo apesar do sufoco final, a meta de Julio Cesar não foi mais vazada e a Seleção garantiu o seu retorno a uma semifinal de Copa do Mundo, após 12 anos.

FICHA TÉCNICA

BRASIL 2 X 1 COLÔMBIA

Arbitragem: Carlos Carballo (ESP)
Público: 60.342 presentes
Cartões Amarelos: Thiago Silva, Julio Cesar (BRA), Yepes, James Rodríguez (COL)
Cartões Vermelhos: _
Gols: Thiago Silva, David Luiz (BRA)

BRASIL: Julio Cesar; Maicon, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Fernandinho, Paulinho (40' do 2ºT - Hernanes)  e Oscar; Hulk (37' do 2ºT - Ramires), Neymar (42' do 2ºT - Henrique) e Fred.
Técnico: Felipão

COLÔMBIA: Ospina; Zúñiga, Zapata, Yepes e Armero; Carlos Sánchez, Guarín, Cuadrado e James Rodríguez; Ibarbo (Intervalo - Adrián Ramos) e Teo Gutiérrez (24' do 2ºT - Bacca).
Técnico: José Pekerman




Últimas de _legado_Copa do Mundo