Outubro Rosa promove ações de conscientização sobre câncer de mama

Serão oferecidas palestras, shows gratuitos, exposições de arte e serviços em diversos locais de Niterói e São Gonçalo

Por O Dia

Niteró - Neste mês, rosa será a cor da conscientização pela saúde da mulher no mundo todo e Niterói não ficará de fora. Pelo terceiro ano consecutivo, a campanha “Outubro Rosa” promoverá ações por toda a cidade com o objetivo de alertar sobre os riscos do câncer de mama e estimular os exames de prevenção. Serão oferecidas palestras, shows gratuitos, exposições de arte e serviços.

Responsável por organizar alguns dos eventos que acontecerão na cidade, a Associação dos Amigos da Mama (Adama) vai iluminar hoje, às 18:30, a Capela de São Pedro, em Jurujuba. Na terça-feira, será a vez das “Adametes”, coral criado por seis associadas que venceram o câncer, se apresentarem no clube da Marinha, em Charitas.

Fachada do colégio Abel é uma das que estão decoradas com o símbolo usado pela campanha Fábio Gonçalves / Agência ODIA

Uma das integrantes, Maria Angela Miguel, de 61 anos, faz o convite. “A integração através da música com pessoas que passaram pelo mesmo problema faz o doente sair da depressão. Faz bem para a cabeça e o corpo melhora junto”, disse.

Fundadora da Adama de Niterói, a mastologista Thereza Cypreste fará palestras para desmistificar mitos e verdades sobre a doença. Uma delas acontece amanhã, às 13h, na Câmara de Vereadores. “Todo mundo tinha que ter consciência e botar um pouquinho de rosa. É um ato simbólico que estimula a prevenção”, aconselha.

Conhecido pelo trabalho com fotos de mulheres e suas cicatrizes do câncer de mama, o fotógrafo americano David Jay, a convite da Fundação Laço Rosa e ONG Niterói Mais Humana, fará uma exposição do próximo dia 10 a 2 de novembro no Museu de Arte Contemporânea (MAC). Aberta ao público, a mostra reúne 27 obras, dentre elas imagens de brasileiras. “Espero que este trabalho seja instigante para o público no Brasil e que eles possam se envolver em um nível que ultrapasse a doença”, revela Jay.

No shopping São Gonçalo, haverá um aulão de ginástica aberto para mulheres no 1º piso, às 11h do dia 15. No dia 17, das 11h às 15h, mulheres que superaram o câncer distribuirão rosas e folhetos dando orientações sobre a doença. O shopping terá iluminação rosa durante o mês.

Curada da doença há 8 anos, Leila Almeida, 63 anos, é uma das participantes da caminhada pelo combate ao câncer de mama que sairá do Clube de Regatas Icaraí dia 11, às 10h. “Se pelo menos uma pessoa resolver fazer os exames por causa da campanha já valeu a pena. Estamos juntas”, diz. Detalhes da programação no adama.org.br e outubrorosaniteroi.com.br.

Centenas de voluntários se mobilizam contra a doença no municípioDivulgação

Melhor remédio é mesmo a prevenção

Quando o câncer de mama é descoberto em fase inicial a chance de cura chega a mais de 80%, segundo a médica das Clínicas Oncológicas Integradas (COI), Monica Shaum. “É muito mais fácil quando você tem um paciente com tumor inicial, o tratamento é menos intenso. Por isso que é tão importante o autoexame e a consulta com especialista”, afirma a oncologista.

De acordo com a titular da Sociedade Brasileira de Mastologia, Thereza Cypreste, as campanhas de conscientização vêm surtindo efeito. “A gente aumentou o índice de diagnóstico precoce e a mortalidade no país caiu de 13 para 11 mil”, explica. O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres, respondendo por 22% dos casos. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), 57.120 novos casos foram registrados neste ano.

Últimas de _legado_Niterói