Banca de jornal se transforma em área literária na Zona Sul

Com 'best-sellers' e vasto acervo, espaço é inaugurado em Ipanema

Por O Dia

A Banca Literária, da Ediouro, fica situada na Praça Nossa Senhora da Paz, e funciona das 8h às 20h
A Banca Literária, da Ediouro, fica situada na Praça Nossa Senhora da Paz, e funciona das 8h às 20h - Alexandre Brum / Agencia O Dia

Com propósito de democratizar a leitura e valorizar a presença da banca de jornal nas ruas, a editora Ediouro juntou o útil ao agradável e transformou, na praça Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, uma antiga banca em 'pocket livraria'. A Banca Literária, como foi batizada, reúne todos os selos do grupo e mais um acervo com os 'best-sellers' do mercado editorial.

Para tornar a experiência ainda mais atrativa, o espaço, inaugurado na sexta-feira, oferece também jornais e revistas, bomboniere, um café e espaço de charutaria/tabacaria.

A ideia surgiu diante a preocupação do grupo ao notar o fechamento cada vez mais frequente das bancas de rua. A concorrência com a internet e a falta de hábito das pessoas em ler são os principais culpados, segundo Everson Chaves, gerente de marketing da editora.

"Nossa intenção é proporcionar uma experiência literária de maneira simples. Como qualquer mercado onde o produto é essencial, um perfil de conveniência", explicou o gerente. O atendimento especializado é um dos pontos fortes da pocket. Os atendentes foram contratados de acordo com o seu conhecimento pela literatura, a fim de facilitar a relação com os clientes sobre as obras vendidas no local.

Totalmente customizada por um projeto arquitetônico, a banca passou de 19m² para 25m². A pocket livraria funciona das 8h às 20h.

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro