Walmart e Google anunciam parceria para compras virtuais por voz

Aliança é estratégia para competir com a Amazon, que detém mais de 38% do mercado nos EUA

Por O Dia

EUA - O grupo Walmart, maior rede varejista do mundo, anunciou uma parceria, a partir de setembro, com a gigante da Internet Google para a venda de seus produtos on-line, uma aliança para competir diretamente com outra gigante, a Amazon.

Marc Lore, diretor de comércio online do grupo, publicou um comunicado no blog da empresa. "Trabalharemos com Google para oferecer centenas de milhares de itens que poderão ser comprados por voz, por meio do Google Asistant".

Com a parceria, a Walmart promete "a maior oferta de distribuição disponível na plataforma" e se integrará com o Google Express, que já permite a compra de produtos de diversas empresas. A Google, por meio de um comunicado assinado por um de seus diretores, Sridhar Ramaswamy, anunciou que a parceria colocará à disposição "centenas de milhares de produtos, de detergentes a Legos".

Para o Google, a parceria dá credibilidade a sua plataforma ao adotar as conhecidas referências do Walmart. Já para a gigante varejista, a aliança facilita consideravelmente o ato da compra on-line por meio do pedido vocal.

A gigante Walmart tenta conter o domínio da Amazon no mercado virtualDivulgação

A união é uma resposta à Amazon, que já começou a competir com o Walmart inclusive nas lojas físicas, após comprarem, em junho, a rede Whole Foods. Além disso, de acordo com a empresa Internet Retailer, que usa como base os números do Departamento do Comércio, a Amazon mantém um amplo domínio nas vendas on-line nos Estados Unidos, com uma participação de mercado de 38%.

Últimas de Economia