Barcelona anuncia estátua e homenagens um ano após morte de Cruyff

Craque holandês foi ídolo como jogador e técnico do clube catalão

Por O Dia

Espanha - Um ano após a morte de um de seus maiores ídolos, o Barcelona anunciou uma série de homenagens à memória de Johan Cruyff. Neste sábado, o clube realizou uma cerimônia em tributo ao ex-jogador holandês e revelou que, entre outras medidas, vai construir uma estátua do craque.

"Cruyff é o homem que mudou nossa mentalidade e definiu as fundações do futebol moderno. Ele nos convenceu de que o mundo pertence aos inovadores", exaltou o presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu. A ideia é que o monumento em homenagem a Cruyff seja construído nas redondezas do Camp Nou.

Cruyff será homenageado pelo BarcelonaDivulgação

O ex-jogador morreu no dia 24 de março de 2016, após uma longa batalha contra um câncer no pulmão. O Barcelona chegou a marcar a data da cerimônia para anunciar as homenagens a Cruyff para a última sexta, justamente dia 24, mas decidiu adiá-la em respeito ao luto pela morte na última quarta de Agustí Montal, ex-presidente do clube e responsável justamente pela contratação do holandês na década de 70.

Além da estátua, o Barcelona anunciou neste sábado que vai batizar o novo estádio construído no complexo do clube com o nome de Johan Cruyff, que também terá uma sessão no museu do time dedicada especialmente a ele. Por fim, a diretoria catalã sugerirá ao governo local que dê o nome do holandês a uma das ruas próximas ao Campo Nou.

Cruyff foi contratado pelo Barcelona em 1973 e é considerado o maior responsável por alçar o clube à condição de potência do futebol mundial. Como jogador e, depois, técnico, ajudou a criar a atual entidade da equipe de valorizar o futebol bem jogado. Ao longo de sua trajetória no time catalão, conquistou cinco Campeonatos Espanhóis (quatro como técnico e um como jogador) e uma Liga dos Campeões (como treinador), além de outros títulos.

"Se meu pai pudesse estar em qualquer lugar, gostaria de estar aqui, a um passo de entrar em campo. Então, ele ficaria muito feliz com essa homenagem", disse o filho do holandês, o também ex-jogador do Barcelona Jordi Cruyff. "A reação do mundo do futebol (no dia da morte de Cruyff) transformou um dia triste em feliz para mim", lembrou.

Últimas de Esporte