Fluminense tem boa atuação e bate fácil o Figueirense na estreia do Brasileiro

Tricolor mostrou evolução e venceu em confronto do Maracanã

Por O Dia

Rio - O Fluminense entrou em campo neste domingo no Maracanã querendo provar para sua torcida e para os adversários que tem uma equipe com condições de fazer uma boa campanha no Brasileiro, após a decepcionante temporada de 2013. Ao menos na estreia, o Tricolor passou no teste. Com uma atuação bem segura, o clube das Laranjeiras derrotou o Figueirense por 3 a 0 neste sábado.

Na próxima rodada, o clube carioca vai encarar o Palmeiras, no sábado, às 21 horas no Pacaembu. Já o time catarinense joga no domingo, às 18h30, contra o Bahia na Arena Barueri.

Fluminense estreou com o pé direito no BrasileirãoPaulo Campos/Agência O Dia

O JOGO

Querendo vencer e convencer na estreia do Brasileirão, o Fluminense começou pressionando o Figueirense. Com apenas oito minutos, Rafael Sobis teve uma grande chance. Conca de belo passe para Carlinhos, o lateral foi no fundo e cruzou na marca do pênalti para o atacante, que não pegou bem na bola e chutou em cima de Tiago Volpi. Logo depois foi a vez do argentino criar boa chance. Conca tabelou com Fred e bateu para fora.

>>> FOTOGALERIA: Fluminense estreou com vitória no Brasileiro

De tanto tentar, o Fluminense conseguiu seu gol ao 30 minutos. Conca levantou para Fred, que ajeitou para Sobis. O atacante bateu de primeira no ângulo do time catarinense. Quatro minutos depois, Wagner recebeu livre, chutou e Volpi fez grande defesa.

No fim, o Tricolor ampliou. Wagner foi derrubado por Thiago Heleno. Na cobrança, Fred deslocou o goleiro do Figueira e fez o segundo gol.

Mesmo com a vantagem, o clube carioca voltou com o mesmo ímpeto para o segundo tempo. Aos sete minutos, Carlinhos foi no fundo, cruzou, a bola passou por Sobis e sobrou para Fred chutar forte para boa defesa de Volpi. Bem melhor no jogo, o Flu fez mais um. Aos 13 minutos, Sobis tentou duas vezes, na segunda, Nirley desviou contra o patrimônio e a bola entrou.

O Fluminense seguia melhor na partida e o time catarinense não esboçava reação. Aos 22 minutos, Conca cobrou falta no travessão. Aos 25 minutos, Carlinhos cortou para direito e soltou uma bomba que Tiago Volpi jogou para escanteio.

No fim do jogo, o clube carioca até levou uma certa pressão dos visitantes, mas o Figueirense não conseguiu nem fazer o seu gol de honra e o placar seguiu sem sofrer mais nenhuma alteração.


FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 3 X 0 FIGUEIRENSE

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Auxiliares: Alessandro Rocha de Matos (BA) e Luiz Carlos Silva Teixeira (BA)
Renda/público: R$ 385.535,00 / 31.173 pagantes
Cartões amarelos: Thiago Heleno e Paulo Roberto (FIG)

GOLS: Rafael Sobis 30'/1ºT (1-0), Fred 44'/1ºT (2-0) e Nirley contra 13'/2ºT (3-0)

FLUMINENSE: Diego Cavalieiri, Bruno, Gum, Elivélton e Carlinhos; Diguinho (Valencia 37'/2ºT), Jean, Wágner (Biro Biro 22'/2ºT) e Conca; Rafael Sobis (Walter 36'/2ºT) e Fred. Técnico: Cristovão Borges.

FIGUEIRENSE: Tiago Volpi; Leandro Silva, Nirley, Thiago Heleno e Marcos Pedroso; Luan, Marcos Assunção (Paulo Roberto intervalo) e Dudu (Vitor Júnior 32'/2ºT); Lúcio Maranhão (Nem intervalo), Everton Santos e Giovanni Augusto. Técnico: Vinicius Eutrópio.