Polícia atira em homem que atacava pessoas com martelo

Suspeito está em estado grave

Por O Dia

Nova York - Um agente da polícia de Nova York deixou gravemente ferido um homem suspeito de ter atacado várias pessoas com um martelo no centro da cidade, segundo informaram as autoridades. De acordo com a imprensa local, o homem, identificado como David Baril, de 30 anos, encontra-se em estado grave em um hospital da região.

Suspeito está em estado graveReprodução Instragram

A polícia divulgou nesta terça-feira uma foto de Baril após receber denúncias de pelo menos quatro pessoas que foram atacadas a marteladas na cidade. O suspeito foi reconhecido na manhã desta quarta-feira por dois agentes enquanto caminhava pelo bairro de Midtown.

Ao ser abordado, Baril tirou um martelo de uma bolsa e tentou atacar um dos agentes. O parceiro do policial reagiu e acabou atirando em Baril. Segundo autoridades locais, o suspeito, residente no condado do Bronx, possui uma longa ficha criminal e sofre problemas mentais.

Víctor Ureña, uma das vítimas, explicou nesta terça-feira à emissora "CBS" que tinha acabado de sair da universidade quando um homem bateu em sua cabeça com um martelo em plena rua. "Comecei a sangrar quase que imediatamente e então o suspeito saiu correndo. A única coisa que espero é que o encontrem e ninguém mais passe por isto", acrescentou.

Com informações da EFE


Últimas de _legado_Mundo e Ciência