Fiscais recolhem mais de uma tonelada de produtos vencidos em supermercados

Filiais de estabelecimento foram autuadas e multadas

Por O Dia

Rio - A Secretaria Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Seprocon), por meio do Procon-RJ, recolheu nesta terça-feira, mais de uma tonelada de produtos vencidos das prateleiras de sete filiais do supermercado Guanabara, em mais uma ação da operação Secos e Molhados. A equipe de fiscais também retirou das unidades 94kg de alimentos que não tinham data de validade e 44kg de carne previamente moída, o que contraria a Lei 2637/2009, segundo a qual a carne só pode ser moída na hora da compra e na presença do consumidor. O material recolhido foi inutilizado e descartado. Todas as unidades vistoriadas apresentaram irregularidades, foram autuadas e serão multadas.

Fiscais recolheram produtos vencidos em diversas filiais de supermercadoDivulgação

Somente na filial de Realengo, localizada na Estrada da Água Branca, os agentes do Procon encontraram 858kg de produtos fora da validade: 356kg de queijos, 192kg de linguiça, além de suíno, bacon, salsicha e mortadela. No estabelecimento também havia 12kg de carne previamente moída. Em função da grande quantidade de alimentos irregulares apreendidos só nessa loja, os autos serão encaminhados pelo Procon-RJ à Delegacia do Consumidor (Decon) para a abertura de inquérito. 

Outra filial com grande quantidade de produtos fora da validade foi a de Engenho de Dentro, na Rua Adolfo Bergamini. No estabelecimento, os fiscais encontraram 218kg de alimentos vencidos, tais como presunto, lombo canadense, mortadela, queijos e massa de pastel. No supermercado também foram recolhidos 11kg de frios, coco ralado e massa de pastel sem informação da data de validade.

Últimas de Rio De Janeiro