Parentes de estudantes desaparecidos no México pedem intervenção do papa

Após missa, pais se reuniram durante mais de meia hora com o núncio, a quem entregaram cartas dirigidas ao papa

Por O Dia

México - As famílias dos 43 estudantes desaparecidos há quase três meses no México pediram a intervenção do papa Francisco para tornar mais visível a busca de justiça. O governo reconhece que o país precisa de “transformação profunda”.

O núncio apostólico no México, Christophe Pierre, celebrou uma missa, nessa segunda-feira, pelos estudantes, que desapareceram em 26 de setembro em Iguala, no estado de Guerreiro, por justiça e paz no país.

México prende ex-prefeito e sua mulher pelo desaparecimento de 43 estudantes

Membros de cartel no México 'admitem morte de estudantes'

Pais de estudantes desaparecidos no México pedem intervenção do papaDivulgação

Depois da missa, os pais se reuniram, durante mais de meia hora, com o núncio, a quem entregaram cartas dirigidas ao papa Francisco. As famílias querem que o líder da Igreja Católica intervenha para tornar o caso mais visível.

O papa fez referência ao caso em duas ocasiões, a última no dia 12 de novembro. Na Praça São Pedro, Francisco manifestou solidariedade a todos os mexicanos pelos "momentos dolorosos" que vivem e denunciou a “dramática realidade" e "a criminalidade" no México.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência