Turquia encontra corpos de refugiados que fugiam para Grécia

Barco que levava grupo para ilha de Lesbos naufragou. Pessoas tentaram prestar socorro, mas já era tarde

Por O Dia

Turquia - A guarda-costeira da Turquia encontrou 27 corpos de imigrantes, três deles crianças, na costa do país no mar Egeu nesta terça-feira. O grupo estava em um barco que naufragou na tentativa de alcançar a ilha de Lesbos, na Grécia, segundo autoridades. A nacionalidade das vítimas ainda é incerta. 

Três barcos e um helicóptero estão procurando por sobreviventes na região. Inicialmente, 21 corpos haviam sido encontrados. No distrito de Ayvalik, 17 corpos foram descobertos em uma praia e 10 outros em Dikili, de acordo com oficiais.

Naufrágios de barcos de imigrantes que seguem para ilha grega de Lesbos são recorrentesReuters

Pessoas que passaram pelo local tentaram prestar socorro. "Ouvimos um barco naufragado bater nas pedras. Acredito que essas pessoas tenham morrido quando nadavam para tentar alcançar as rochas. Viemos aqui para ajudar como cidadãos", disse uma testemunha da tragédia.

A crise humanitária que se instalou na Europa é a maior das últimas décadas. Em 2014, cerca de 1 milhão de refugiados, maior parte vindos da Síria, entraram no continente europeu pela Turquia na Grécia, acessando a ilha de Lesbos, e seguindo viagem para outros países em seguida — a maioria espera se instalar na Alemanha. Até o dia 21 de dezembro de 2015, cerca de 972.500 pessoas atravessaram o Mar Mediterrâneo, de acordo com números da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR).

*Com informações da Reuters

Últimas de _legado_Mundo e Ciência