Ônibus, caminhão e táxi se envolvem em acidentes na Avenida Presidente Vargas

Um homem que seria morador de rua foi atingido na calçada por um ônibus, próximo ao Centro de Manutenção do Metrô. Táxi pega fogo após colidir com ônibus no Campo de Santana

Por O Dia

Rio - Dois acidentes envolvendo três veículos deixou pelo menos uma pessoa gravemente ferida e interditou total ou parcialmente trechos da Avenida Presidente Vargas, no fim da noite desta terça-feira. No mais grave deles, um homem que seria morador de rua foi atingido na calçada próxima ao Centro de Manutenção do Metrô Rio por um ônibus desgovernado. Um táxi também ficou parcialmente destruído por um princípio de incêndio após colidir com um ônibus, próximo ao Campo de Santana.

A motorista da linha 397 (Carioca - Campo Grande) disse na delegacia que foi fechada por um táxiOsvaldo Praddo / Agência O Dia

De acordo com policiais do 4ºBPM (São Cristóvão), a motorista do ônibus da linha 397 (Carioca-Campo Grande), da viação Transportes Santa Cruz, contou em depoimento trafegava na pista lateral da Presidente Vargas, sentido Avenida Brasil, por volta das 23h25, quando foi fechada por um táxi não identificado. Ela perdeu o controle do coletivo. A parte traseira subiu na calçada e atingiu um homem que passava pelo local. O veículo ficou atravessado na via em frente a entrada do Centro de Manutenção do Metrô e duas faixas tiveram que ser interditadas ao trânsito.

A vítima foi socorrida em estado grave por bombeiros do quartel Central e está internada no Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro. Ainda segundo os PMs, o homem seria um morador de rua e não foi encontrado documentação com ele. A motorista prestou depoimento na 6ªDP (Cidade Nova) e foi liberada. A via só foi totalmente liberada mais de duas horas após o acidente.

Pouco depois, na pista central, sentido Candelária, um caminhão e um táxi colidiram. Com o impacto, o táxi se incendiou parcialmente na parte dianteira. A pista ficou fechada por cerca de uma hora. O trânsito teve que ser desviado para a pista lateral, mas não houve retenção. Não há informação de feridos.

Últimas de Rio De Janeiro