Processo tem mais de 2 mil páginas com provas de danos morais e financeiros

Por O Dia

Thyane Dantas, mulher de Wesley Safadão, vai dormir mais tranquila esta noite. A polícia conseguiu descobrir, depois de uma investigação minuciosa, o nome da principal autora do cyberbullying que a modelo sofre há cinco anos.

A polícia chegou até Jaqueline Caetano dos Santos através de denúncias na internet e na tarde desta sexta-feira, convidou a acusada para depor.  De acordo com Renzo Angerami, chefe dos investigadores do 3° distrito de Santo André, Jaqueline assumiu que fazia perfis falsos para prejudicar a imagem de Thyane na internet. Um inquérito com mais de 2 mil páginas com provas de danos morais e financeiros foi instaurado e encaminhado para o fórum da região.

“Ainda vamos atrás das outras pessoas do grupo, pois Jaqueline disse que não agia sozinha. As pessoas têm que entender que cyberbullying é crime e existe uma pena para isto”, disse o investigador.

Procurada, a assessoria de Wesley Safadão disse que não vai comentar a investigação policial.

Thyane DantasReprodução


Jaqueline Caetano dos Santoso dia


Últimas de _legado_Notícia