Nando Rodrigues conta que namoro virá à tona em 'Haja Coração'

Ator garante que nunca viveu relação proibida como a da trama

Por O Dia

Solteiro%2C Nando Rodrigues diz que pretende casar e ter filhos%2C mas%2C por enquanto%2C seu foco é o trabalhoDivulgação

Rio - Aconturbada história de amor de Henrique (Nando Rodrigues) e Penélope (Carolina Ferraz) está prestes a ser descoberta em ‘Haja Coração’, na Globo. Nos próximos capítulos da trama das 19h, o romance mantido em segredo pelo casal, por causa da diferença de idade entre eles, virá à tona, depois que Henrique descobre também que o seu melhor amigo, Beto (João Baldasserini), é filho de sua namorada.

“Estamos às vésperas de o Beto descobrir que eu tenho um romance com a mãe dele. A relação entre eles foi uma coisa inesperada, que aconteceu. O Henrique e a Penélope não esperavam. Sobre a descoberta, são cenas secretas ainda, mas acredito, sim, que o Beto vai ter um primeiro momento de desgosto, vai ficar bravo, mas no fim a amizade e o amor vão prevalecer”, adianta Nando Rodrigues.
Na vida real, o ator mato-grossense, de 31 anos, garante que jamais passou por uma situação semelhante à de seu personagem:

“Nunca vivi uma relação assim, proibida”. Solteiro, ele diz que ainda não pensa em casamento e filhos. “Tenho muita vontade de constituir uma família, ter filho, cachorro, e papagaio, mas nesse momento, o foco é estabilizar o profissional”, diz.

Nando Rodrigues garante que a sintonia entre o elenco nos bastidores tem contribuído para o sucesso da trama. “A novela tem 0% de rejeição. É um presente trabalhar com a Carolina e o João. Tenho aprendido muito com eles, a troca é recíproca e estamos nos divertindo fazendo as cenas. Eu me esforço. Quando sei que vou gravar com a Carolina, por exemplo, sempre estudo um pouco mais”, revela.

Além do sucesso no folhetim, o ator estreia mês que vem em seu primeiro filme internacional, o francês ‘Going to Brazil’, sem previsão de lançamento no país. Na comédia dramática, ele vive o filho de um fazendeiro brasileiro milionário, interpretado por Chico Dias, que vai casar, mas quando volta ao Brasil para a despedida de solteiro acaba assassinado. A partir daí, o pai coloca investigadores para ajudar a encontrar o assassino.

Sobre o desejo de trabalhar em mais projetos cinematográficos, o ator é cauteloso. “Tenho vontade de tentar esse mercado, mas ainda quero viver muito esse momento aqui no Brasil. No ano passado, fiz o filme ‘Nise — O Coração da Loucura’. Cinema é um grande sonho desde pequeno, mas eu estou feliz fazendo novela. Estou namorando meu personagem”, conta.

Antes de conseguir bons papéis, Nando teve que enfrentar alguns desafios. Chegou ao Rio aos 17 anos para tentar a vida de ator. “Minha família no início não me apoiava, queria que eu tivesse uma profissão formal. Essa instabilidade da profissão sempre assustou meus pais, mas hoje são grandes apoiadores e ficam felizes com a repercussão dos meus trabalhos. Essa determinação de vir para cá me motivou todos os dias porque sempre pensava no que abri mão”, relata.

Reportagem do estagiário Guilherme Guagliardi

Últimas de Diversão