Após a derrota para a Colômbia, apenas os reservas do Brasil foram a campo

Somente 11 jogadores participaram da atividade no CT do Universidad do Chile. Entre os que enfrentaram a Colômbia, somente o meia Fred participou da atividade.

Por O Dia

Chile - Após a derrota para a Colômbia por 1 a 0, a Seleção Brasileira voltou ao batente cedo para esquecer do revés. Nesta quinta-feira, o grupo realizou um trabalho regenerativo na academia e piscina do hotel que serve de base para o Brasil em Santiago. Já na parte da tarde, cerca de 11 jogadores seguiram para o CT da Universidad de Chile para um trabalho em campo.

LEIA MAIS: Confira notícias e resultados da Copa América

A novidade do treino foi a presença de Fred, titular nos dois primeiros jogos do Brasil na Copa América, e a ausência do atacante Diego Tardelli. O primeiro atuou apenas 45 minutos e por isso participou da atividade. Por outro lado, o centroavante, titular na estreia e banco contra os colombianos, foi preservado e ficou no hotel fazendo um trabalho específico, pois ainda não consegue atuar durante os 90 minutos.

Apenas os reservas e quem jogou 45 minutos contra a Colômbia treinaram nesta quinta-feiraReuters

O treino, que durou quase de duas horas e contou com uma primeira parte física, logo em seguida de um pequeno coletivo em campo reduzido. Robinho e Phillipe Coutinho, que podem substituir Neymar, suspenso contra a Venezuela, também estiveram presentes na atividade. Nesta sexta-feira o grupo todo treina no período da tarde novamente no CT da Universidad de Chile. O treino definirá o time que enfrenta a Venezuela no próximo domingo.

Últimas de _legado_Copa América