Com protesto à porta, CBF recomenda jogadores a apoiar ida do povo às ruas

Levante popular esteve próximo da seleção em Fortaleza e ganhou apoio de David Luiz e Hulk nesta terça-feira

Por O Dia

Fortaleza - A repetição de protestos pelas principais de País nas últimas posições bateu a porta da seleção brasileira na segunda-feira em Fortaleza. Cerca de 300 pessoas manifestaram-se contra os gastos públicos na Copa do Mundo e Copa das Confederações em frente ao hotel da delegação. Até então, a seleção se mostrava alheia a tudo que se passa fora de campo.

Nesta terça-feira, o zagueiro David Luiz levantou a voz para tentar mostrar que os jogadores da seleção se preocupam com o momento vivido pelo País e fugiu da recomendação da CBF aos jogadores de evitarem se posicionar sobre a onda de protestos.

“Sou brasileiro, vivo fora há muito tempo, mas amo meu país. Espero que ele seja sempre melhor. E desde que a manifestação seja pacífica, expressar sua opinião não tem nenhum problema. O Brasil tem todas condições do mundo para cada vez mais se igualar aos melhores do mundo em educação, saúde, menos violência. Basta o brasileiro estar unido. O brasileiro é patriota, ama o país e não está contente. Então é natural esse protesto. Agora é entrar num consenso e que no futuro a gente possa ter um Brasil melhor”, disse o zagueiro.

Na segunda-feira, antes dos protestos pacíficos em Fortaleza, a CBF orientou Marcelo durante a entrevista coletiva concedida no hotel da equipe a não se aprofundar no tema. Porém, após a segunda-feira em que quase todo o país, inclusive a capital cearense, esteve unido em torno da mobilização popular, a orientação agora é apoiar o protesto para evitar que a seleção seja vista por esses manifestantes como contrária às reivindicações.

“Eu, por ter vindo debaixo, e hoje estar bem, sinto um pouco o que sente o povo. Eles têm total razão ali. O que eles querem faz sentido. Temos de dar ouvido. O Brasil tem de melhorar em várias coisas. A gente entende o que povo sente porque sabe que é verdade”, disse o atacante.

Últimas de _legado_Seleção Brasileira