Cristóvão Borges não resiste à eliminação e deixa o comando do Vasco

Treinador deixou o clube carioca após derrota para o Vitória em Salvador

Por O Dia

Rio - Cristóvão Borges não é mais técnico do Vasco. O treinador não resistiu a eliminação do clube carioca na Copa do Brasil e deixou o cargo da equipe de São Januário. A informação foi confirmada em nota oficial do clube em seu site. 

Cristóvão Borges deixou o comando do VascoErnesto Carriço / Agência O Dia

Contando as duas passagens que teve pelo clube da Colina, Cristóvão Borges comandou o Vasco em 89 jogos. Foram 46 vitórias, 20 empates e 23 derrotas. A outra passagem pelo clube foi de 2011 a 2012. Na ocasião, o comandante foi vice-campeão do Brasileiro de 2011.

O clube carioca vai em busca de um novo nome na função. Ricardo Gomes, Paulo César Gusmão, Rogério Micali e Vanderlei Luxemburgo são os mais cotados.