Homem mantém reféns em supermercado no Leste de Paris

Segundo informações, o sequestrador pode ser o autor do assassinato de uma policial no sul da capital francesa

Por O Dia

França - Um homem com duas armas tomou como reféns várias pessoas em um supermercado judaico em Porte de Vincennes, no Leste de Paris, informou a emissora "BFMTV". Segundo informações, houve tiroteio e pelo menos duas pessoas teriam sido mortas.

Policial é morta em ataque a tiros no Sul de Paris

De acordo com o canal "BFMTV", o homem pode ser o autor do assassinato de uma policial nesta quinta-feira em Paris.

Fontes policiais informaram nesta sexta-feira que há relação entre o episódio do homem que matou uma policial nesta quinta-feira em Montrouge, no Sul de Paris, e do ataque ao jornal Charlie Hebdo. Segundo fontes da France-Presse, os dois irmãos suspeitos do atentado eram da mesma célula que o outro atirador. O homem foi identificado como morador, de 34 anos, de Fontenay-aux-Roses, que fica a poucos quilômetros de distância do crime. Duas pessoas que possuem ligação a ele forma detidas.

De acordo com informações, os irmãos Chérif e Saïd Kouachi e o atirador suspeito de Montrouge seriam da mesma célula jihadista, em Buttes-Chaumont, no Norte de Paris. Além disso, foi comprovado que na década passada eles enviavam jovens para treinar no Iraque.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência