Jovem tem braço amputado após tentativa de assalto em estação de trem

Caso aconteceu em Edson Passos. Resgatada para o Hospital da Posse, Naiara Vaccari chegou em estado grave à unidade

Por O Dia

Rio - Um caso de violência dentro de uma estação de trem da SuperVia terminou em tragédia, na noite desta segunda-feira, quando uma jovem de 27 anos acabou tendo o braço amputado ao ser vítima de uma tentativa de assalto em Edson Passos, Mesquita, na Baixada Fluminense. De acordo com a concessionária, Naiara de Sousa Ramalho Vaccari foi resgatada imediatamente por agentes de controle ferroviário. O Corpo de Bombeiros foi acionado e Naiara foi levada para o Hospital Geral de Nova Iguaçu, o Hospital da Posse. 

Com uma grave lesão no braço direito, a jovem foi submetida a uma cirurgia durante a madrugada e, devido à gravidade do ferimento, acabou tendo o membro amputado. Segundo informações do hospital, a paciente segue internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e está sendo acompanhada pelas equipes de clínica médica e ortopedia, além de receber apoio das equipes de serviço social e psicologia. O estado de saúde é estável, mas requer cuidados.

Designada pela SuperVia, uma equipe de assistência social também acompanha o caso, que foi registrado na 53ª DP (Mesquita). De acordo com a concessionária, a segurança pública no sistema ferroviário é atividade exclusiva do Governo do Estado, que atua nas estações e trens por meio do GPFer (Grupamento de Policiamento Ferroviário). A segurança, de acordo com a empresa, teve o efetivo reforçado de 50 para 90 homens.

A Polícia Civil informou que, segundo dados da 53ª DP (Mesquita), as investigações estão em andamento para apurar as circunstâncias do fato. Testemunhas estão sendo ouvidas e imagens das câmeras de segurança foram solicitadas. Agentes realizam diligências em busca de informações e de outras testemunhas.


Últimas de Rio De Janeiro