01 de janeiro de 1970
  • WhatsApp (21) 98762-8248

Celebrando 50 anos de carreira em cena

Tonico Pereira faz seu primeiro monólogo, 'O Julgamento de Sócrates', que estreia hoje

Por BRUNNA CONDINI

A partir de hoje, o Teatro Cândido Mendes, em Ipanema, recebe 'O Julgamento de Sócrates'. A peça marca a celebração dos 50 anos de carreira de Tonico Pereira, que faz um monólogo pela primeira vez. Para o ator, o espetáculo é uma troca de ideias. "É essencialmente artesanal, sem muitos recursos. Mas isso é a essência do teatro", diz.

A montagem é uma livre adaptação de 'Apologia de Sócrates', de Platão, e dramatiza a defesa de Sócrates no julgamento que o condenou à morte por envenenamento. Trata-se, talvez, do primeiro grande caso na história da humanidade de um homem ser condenado por ter ideias diferentes do estabelecido pela sociedade. A peça debate a liberdade de expressão e o pensamento no mundo contemporâneo. Para o autor, Ivan Fernandes, a inspiração veio da ideia de se falar dos tempos atuais. "Não queria falar diretamente sobre isso, até porque muitas pessoas estão sem distanciamento. Então, me ocorreu falar que tudo virou um grande julgamento".

Comentários