Perlla pede desculpas à comunidade LGBT

Cantora que deixou o gospel para voltar ao funk responde críticas por postagens antigas e defesa da família tradicional

Por O Dia

Rio - O retorno da cantora Perlla ao funk após se dedicar à música gospel continua dando o que falar. Depois de marcar para sábado o retorno ao mundo do batidão, Perlla foi criticada pela comunidade LGBT por apoiar o pastor Marcos Feliciano e a defesa da família tradicional. A cantora, então, foi ao Facebook se defender. Em vídeo publicado na rede social, a de-novo-funkeira pede desculpas à comunidade LGBT por postagens antigas e disse que não discrimina ninguém

"Eu sempre tive amigos assumidamente gays, e essa relação foi e sempre será de muito carinho, independente do estilo musical que eu canto", escreveu.

Perlla pediu desculpas por postagens antigasReprodução Facebook

No vídeo, ela reafirma sua relação com os homossexuais. "Todo mundo sabe que a maioria dos meus fãs, as pessoas que me acompanham, a maioria dos meus amigos são gays, são pessoas que fazem parte do movimento LGBT", disse.

Segundo Perlla, pessoas postaram nas redes sociais dela assuntos com os quais ela não concordava. "Peço desculpas ao público LGBT que postagens do passado o tenha ofendido. Mesmo que não tenham partido de mim, foram publicadas em minhas redes e eu, mesmo contrariada, sou responsável por isso", escreveu. Ela também declara que nenhum político a representa e que, agora, fala por ela mesma.

Assista ao vídeo


Últimas de Diversão