Neymar elogia Espanha, mas garante Brasil preparado para lutar pelo título

Durante coletiva, craque ainda aproveitou para deixar claro as diferenças do trabalho na Seleção para o dia-a-dia no Santos

Por O Dia

Brasília - Cada vez mais perto da estreia na Copa das Confederações, o craque Neymar continua se deparando com as cobranças e o status de referência no time de Felipão. Ciente da dificuldade da competição, o jogador foi questionado sobre o favoritismo da seleção espanhola e não poupou elogios os rivais, mas enfatizou que o Brasil vai lutar pelo título.

"A Espanha é uma grande seleção. Possui jogadores muito qualificados e é uma das principais equipes favoritas para conquistar o titulo. Poder enfrentar esse time será uma grande honra, ainda mais numa possível final, onde faremos o máximo para tentar garantir o título para o nosso país", disse Neymar, que ainda foi enfático para garantir estar pronto para ajudar a Seleção da maneira que é pedida pelo técnico Felipão.

"Todo jogador tem sua função e nós temos um treinador. Ele nos pede algumas coisas dentro de campo e é claro que não tem como ser o que era no Santos aqui, até porque agora sou do Barcelona. Nunca mudei meu jeito de jogar e isso nunca vai acontecer. Existem algumas coisas que não dão certo dentro de campo, mas muita coisa acontece. É um entrosamento diferente, uma relação diferente. Aqui, estamos tentando encontrar um time e o entrosamento vai surgir naturalmente. Não há lesão, estou bem e totalmente a disposição da seleção brasileira", acrescentou.

Neymar se diz pronto para defender a SeleçãoDivulgação

Sobre a união do grupo brasileiro, Neymar foi bastante enfático. Segundo o atleta, os jogadores do elenco de Felipão possuem uma grande relação positiva. "Sem vaidades", o craque garante que o objetivo de todo o time é conseguir conquistar os títulos tão esperados pelo povo brasileiro.

"Somos um grupo unido. Existe a ansiedade, mas não temos vaidade aqui dentro. Todos nós sabemos da nossa responsabilidade e dos nossos desejos. Agora, vamos continuar trabalhando para conquistar nossos objetivos, que são os títulos tanto da Copa das Confederações, como da Copa do Mundo"

Carinho pela camisa 10
Escolhido para utilizar a camisa 10, Neymar não vê problema algum sobre o fato de ter pedido o número para o técnico Felipão. Quando questionado sobre o fato, o jogador se mostrou bastante tranquilo ao afirmar que é um desejo de todo jogador mas ressaltou que o mais especial é poder atuar com a camisa da Seleção.

"O 10 é um número que no Brasil sempre foi muito bem representado e sempre é um sonho de qualquer jogador atuar com essa camisa. Acompanhei muitos craques que utilizaram este número, como Robinho, Kaká, Rivaldo. Mas existe um carinho por outros também, como o 11 de Romário. Contudo, no geral o importante é poder atuar com a camisa da seleção brasileira", finalizou.

Últimas de Esporte