Sem Messi e Suárez, Barça para em 'paredão' camaronês e fica no 0 a 0 com Málaga

Barça pressionou até o fim, teve gol anulado, mas não conseguiu aproveitar expulsões dos adversários e acabou amargando o empate

Por O Dia

Barcelona - Sem poder contar com Lionel Messi, que apresentou um quadro de indisposição e vomitou horas antes da partida, e Luis Suárez, suspenso, o Barcelona não conseguiu passar de um decepcionante empate por 0 a 0 com o Málaga, neste sábado, no Camp Nou, onde acabou esbarrando também em uma bela atuação do goleiro camaronês Kameni.

Piqué chegou a marcar%2C mas teve gol anulado pela arbitragemDivulgação/Barcelona

O resultado fez o Barça estacionar na vice-liderança do Campeonato Espanhol, agora com 26 pontos, e passar a correr o risco de ver o Real Madrid, líder, com 27, disparar na ponta. Ainda neste sábado, o time comandado por Zidane trava clássico com o Atlético de Madrid, fora de casa, no Vicente Calderón.

Já o Málaga, que chegou a ter dois jogadores expulsos no segundo tempo, acabou conquistando o empate épico na casa do Barça e foi aos 16 pontos na décima colocação. Assim, o time ganhou moral para o seu próximo desafio no Espanhol, no próximo sábado, em casa, contra o La Coruña. Já o Barça tentará recuperar o prejuízo longe de seus domínios diante da Real Sociedad, no dia seguinte.

Sem poder contar com o goleador Suárez e seu principal jogador, Messi, que em outras ocasiões já desfalcou o Barça por causa de quadros de indisposição e vômito, o time catalão viu Neymar chamar a responsabilidade no primeiro tempo. Curiosamente, essa foi a primeira vez que Suárez e Messi ficaram fora de um mesmo jogo desde quando o uruguaio estreou pela equipe.

Assim, Neymar se tornou a principal referência do Barça, que tratou de ir pra cima do Málaga. Já aos 11 minutos, Piqué recebeu bola ajeitada pelo atacante brasileiro após escanteio e bateu para ótima defesa de Kameni.

Ali começava a aparecer a atuação decisiva do camaronês, que voltaria a brilhar aos 30 minutos. Em ótima jogada do Barcelona pela esquerda, Neymar rolou para trás e Thiago chegou batendo de primeira para linda defesa de Kameni.

O Málaga, que veio para a campo em um defensivo esquema 4-5-1, quase conseguiu abrir o placar aos 11 minutos da etapa final, quando Juanpi tocou para Juan Carlos, que driblou o goleiro Ter Stegen, mas perdeu o equilíbrio e bateu para fora.

Porém, a situação começou a se complicar para os visitantes aos 22 minutos, quando Llorente deu carrinho duro no meio de campo para matar ataque de Neymar. Ele acabou sendo expulso direto pela entrada violenta, sem levar o cartão amarelo.

Sem Messi e Suárez, que foram substituídos por Rafinha e Alcácer no ataque, o Barça quase chegou ao gol nos acréscimos do segundo tempo, mas foi justamente aí que Kameni voltou a assegurar o empate. Primeiro ao defender de forma incrível uma cabeçada de Neymar e depois ao bloquear um chute de André Gomes.

O Málaga ainda terminou o jogo com dois homens a menos, pois Juankar foi expulso por reclamação ao ficar indignado com o interminável acréscimo dado pelo árbitro De Burgos Bengoetxea, que excedeu em mais de dois minutos os quatro que havia prometido após os 45 minutos finais.

Últimas de Esporte