Luan no caminho do Mito do Vascão

Assim como Dedé, jovem zagueiro comemora boa fase e quer fazer história

Por O Dia

Rio - O sonho que parecia distante aos poucos se torna realidade. E Luan teve a certeza de que está no caminho certo na goleada por 5 a 1 do Vasco sobre o Nova Iguaçu, domingo. Ao ser substituído em São Januário, o jogador, revelado na divisões de base do clube, deixou o gramado ovacionado. Os gritos de ‘melhor zagueiro do Brasil’, cantado nos tempos de Dedé, já haviam ecoado em sua entrada e fizeram um filme passar na cabeça do jovem.

Luan está em boa fase no VascoCarlos Moraes

Luan, que morou na concentração do Vasco na Colina, está em sua quarta temporada como profissional e, enfim, parece ter se firmado no time. E foi além. Com três gols marcados e um dos responsáveis pelo Vasco ter a defesa menos vazada do Carioca, o zagueiro foi convocado para a seleção olímpica e quer fazer história. A comparação com Dedé, o último ídolo vascaíno no setor, foi inevitável.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Vasco

O Mito, antes de deixar o clube, em 2012, já apontava Luan como o seu sucessor. Com o tempo, o zagueiro, de 21 anos, tornou-se amigo de sua referência e não escondeu a emoção ao falar sobre o carinho e reconhecimento dos torcedores.

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Carioca

“Em breve vou poder defender a seleção olímpica no Espírito Santo, meu estado. Agora teve essa surpresa da torcida do Vasco (grito de melhor do Brasil). Eu também gritava para o Dedé, quando ia ver o Vasco jogar. É um sonho isso que estou vivendo e espero não acordar nunca mais”, afirmou o camisa 4.
A metas são muitas ainda, mas Luan espera seguir realizando feitos com a camisa do Vasco. “Não quero ser mais um. Sempre que entrar em campo vou dar a minha alma”, completou.