Após 'melhor partida da carreira', Mateus Vital comemora bom momento no Vasco

Com 18 jogos, jogador foi um dos mais presentes do Vasco no Brasileirão

Por O Dia

Rio - Considerado uma joia desde as categorias de base do Vasco, Mateus Vital demorou, mas finalmente parece se firmar entre os profissionais. Depois de ser rebaixado novamente ao sub-20 para ganhar mais experiência, o jogador de 19 anos vem tendo uma sequência neste Campeonato Brasileiro e se tornou um dos principais nomes cruzmaltinos na competição.

"O meu pensamento desde que estava na base era o de ter oportunidades no profissional. Quando voltei a jogar no sub-20 neste ano, coloquei como meta fazer um bom trabalho para retornar e conseguir ter uma boa sequência. Graças a Deus, consegui atingir esse objetivo. Estou amadurecendo e a cada jogo que passa ganho mais experiência. Tem sido um período importante, de muito aprendizado para mim", declarou.

Mateus Vital teve boa atuação contra o FluminensePaulo Fernandes/Vasco.com.br

Já são 18 partidas para ele neste Brasileirão, que fazem de Mateus Vital um dos jogadores que mais atuou pelo Vasco na competição. E o auge veio no último final de semana. Afinal, segundo o próprio, o meia realizou a sua melhor partida com a camisa alvinegra na vitória por 1 a 0 diante do Fluminense.

"Foi a minha melhor partida. Essa sequência que falei me fez amadurecer e passar a contribuir mais para a equipe, como nessa partida contra o Fluminense, em que eu consegui fazer a jogada do nosso gol. Em relação ao desempenho do grupo, o resultado não diz o que foi o jogo. Tivemos diversas oportunidades, mas não convertemos em gol. Foi um jogo bom. A transição melhorou, assim como a compactação e a marcação", considerou.

A meta de Mateus Vital agora é seguir mostrando trabalho para se firmar com o novo comandante cruzmaltino, Zé Ricardo. "Não tive nenhuma conversa em particular com o Zé, mas já o vi conversando com alguns garotos. Como ele veio da base, disse que gosta de trabalhar com os garotos, porém, vai procurar colocar em campo quem merecer".